sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Jogador à Porto... made in Caxinas

Lembramo-nos de Paulinho Santos e associamos raça, paixão, luta, agressividade e... João Vieira Pinto!

Paulinho Santos é um jogador do reino do Dragão, um dos cinco jogadores que foram Pentacampeões. Acabou a carreira sob o comando de Mourinho, na época da Taça Uefa, e num dos últimos jogos ao serviço do Porto, senão mesmo o último, marca um golaço ao Varzim ainda no Estádio das Antas, na 32ª jornada do campeonato. Acabaria por ser o golo da vitória porque terminou 3-2 e os varzinistas, treinados por Luís Campos, surpresa das supresas, acabariam por descer de divisão!

A relação com João Vieira Pinto vai perdurar na história. Partiu-lhe o nariz e o maxilar, mas eram convocados para a Selecção e obrigavam-os a partilhar o quarto. Dava porrada durante os 90 minutos mas no último jogo da época da despedida, contra o Sporting, foi João Vieira Pinto quem lhe entregou uma camisola dele em jeito de homenagem. O típico caso de 'quanto mais me bates mais eu gosto de ti...'

Não esquecer o golaço à Aústria (naquele célebre jogo que Oliveira pede a Dominguez para mostrar aos nazis como se joga à bola) e a saída em maca (num jogo contra o Benfica, creio) a piscar o olho para os colegas que estavam no banco de suplentes... No futebol actual, dificilmente teria lugar num 11 do FC Porto... mas que saudades do caxineiro!

Cromo (Época 1996/97)...


Currículo...


Títulos...

- Campeão Nacional (7): 92/93, 94/95, 95/96, 96/97, 97/98, 98/99 e 02/03
- Taça de Portugal (5): 93/94, 97/98, 99/00, 00/01 e 02/03
- Supertaça de Portugal (5): 93/94, 94/95, 98/99, 99/00, 01/02
- Taça Uefa (1): 02/03

14 comentários:

miguel87 disse...

O famoso polegar levantado na maca foi num dos jogos do titulo do Robson em Alvalade, e estou ainda á espera desse video aqui no Basculação.

"No futebol actual, dificilmente teria lugar num 11 do FC Porto..." Pelo contrário, acho que falta na equipa actual quem imponha respeito e não seja tão macio contra os adversários mais rispidos.... (Não, os ocasionais aconchegos de pé do Bruno Alves, não são a mesma coisa).

riskolas disse...

Titularissimo!

Ou então, tinhamos 11 titulares em forma porque este trincava-os a todos!

Grande Paulinho!

prata disse...

Também acho que ainda poderia ser útil hoje em dia. Nem que fosse como lateral esquerdo no lugar do tolinho do Álvaro Pereira...

É daqueles jogadores que se foi resignando à sua fama de caceteiro. Mas ele era muito mais que isso. Era muito rápido e até tecnicamente dotado. É daqueles que deixa muitas saudades

Artur disse...

Paulinho tinha lugar ainda hoje em qualquer equipa do mundo. Todas as equipas precisam de um jogador assim. Já agora que se fala num jogador com estas características, hoje demitiu-se um treinador no Sporting, que também ele foi um exemplo de caracter, de liderança e que com o processo de aprendizagem que seguramente vai ter voltará um dia a treinar uma grande equipa.

prata disse...

Artur, nem me venhas com o Paulo Bento...

Ricardo de Sousa disse...

Jogador á Porto, sem dúvida.
Já não se fazem destes, infelizmente.

Abraço

Pispis disse...

Crl, eu tinha prometido ao Lamas q ia meter o Miguel87, o Riskas e o Artur de acordo nalguma coisa! :-)

Só faltou o Artur referir 'tinha lugar em qualquer 11' :-)

Tenho curiosidade em saber o q faria Paulo Bento c uma equipa a sério...

prata disse...

Outro com o Paulo Bento... Está tudo doido...

Pispis disse...

Prata, c uma ekipinha dakelas ficou 4x em 2º lugar e ainda chegou a ameaçar o Porto... Ganhou taças e supertaças...

Pá, eu dou o benefício da dúvida, mas como o Jesualdo vai ser o Ferguson português, o PB vai ter q ir para o Benfica :-)

riskolas disse...

Pis... estás a comportar-te como um puto mimado!

Ficaste todo satisfeito por teres posto o Artur a concordar comigo e com o Miguel, depois suspiraste pela eventualidade do Paulo Bento treinar o Porto e agora aventas a possibilidade de o homem ficar mais e mais e mais épocas no banco do Dragão!?!?!?

Foda-se!

Pispis disse...

loooool

De facto puxei demasiado por ti, primeiro estar de acordo c o Artur e dp meter o Jesualdo a ad eternum no Porto...

Não mereces :-)

Sócio FCP disse...

Jesualdo Forever! Um treinador que em 3 anos consegue 3 campeonatos nacionais, uma taça de Portugal, uma Supertaça Intercontinental, presença constante assegurada nas 16 melhores equipas da Europa, uns quartos de final na Champions sendo eliminados apenas por um chouriço do CR, fazer com que jogadores que comprados a 10 sejam vendidos a 100, merece que seja forever. Melhor mesmo só um fora de série como o Mourinho que como se sabe pirou-se do FCP como o diabo da cruz.

Paulinho Santos para siempre...

Sócio FCP disse...

Emenda: onde se lê Supertaça Intercontinental deve ler-se Supertaça Cândido Oliveirinha

Anónimo disse...

E que tal ler no blogue Portogal o artigo "Gloriosas meninas" ?!