Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2008

"Cromos" do Passado: Carlos Secretário...

Imagem
Esta sexta iniciamos uma nova rubrica no nosso blog... "Cromos" do Passado que vale sempre a pena recordar...

Por estar em alta, o nosso lateral direito Sapunaru, pelo menos foi o que mais mostrou no último jogo da Liga, fomos ao encontro de outros laterais-direitos do passado... Carlos Secretário foi um deles... Iniciou-se a médio-direito e, como muitos outros, foi recuando no terreno até chegar à posição de lateral direito... Chegou-se a sagrar Campeão Europeu pelo Real Madrid, numa transferência histórica e, mais tarde, no nosso FCP em 2003/04 (não me lembro se chegou a jogar algum jogo)... O momento que mais me fica da sua carreira no FCP é o golo contra o Werder Bremen, no qual, ainda a médio-direito, simula o cruzamento, progride com a bola para o interior da área, fintando o adversário e, de seguida, com um remate cruzado, estabelece o 3-0 para o FCP noutro momento histórico para o FCP com a vitória na Alemanha, frente ao campeão, por 5 bolas a zero...

Em baixo, fica o …

Um nulo de outros tempos...

Tal como esta semana, outras houveram em que chegamos ao fim com a sensação que algo mais devia ter sido feito... a partir desta quarta vamos iniciar um regresso ao passado, recordando os jogos da época 1992/93... este foi nas Antas e contra o Beira-Mar e também acabou com o nulo... o que interessa é que no fim das contas sagramo-nos Bi-Campeões Nacionais com Carlos Alberto Silva no comando da equipa...





Notas do Vídeo (leiam apenas depois de o ver)...

- Logo nas primeiras imagens vê-se Dino, avançado do Beira-Mar que muito deu nas vistas nessa época...- Na baliza da equipa Aveirense, Acácio, internacional brasileiro que chegou a estar em mundiais pela selecção do Brasil, pelo menos tenho-o nos cromos...- António Carlos, outro brasileiro, desta vez do nosso FCP que não deixou grande saudades... lembro-me que era bom nos livres, mas aquela perdida de bola nas primeiras imagens que surgem do segundo tempo dá logo para tirar a pinta do jogador que tinhamos acabado de contratar...- Aquela pe…

Acordem!

Imagem
Penosa a primeira parte de ontem. Aliás, pouco se aproveita do jogo todo. Podíamos e merecíamos ter ganho mas não o fizemos por merecer durante os 90 minutos o que é grave. Ao menos tivemos a capacidade de encostar o adversário às cordas, coisa que ainda há umas semanas um adversário directo não conseguiu… Jesualdo diz e bem é neste jogos que se ganha e perde campeonatos. Aliás serão muitos os jogos em que o adversário vai passar 90 minutos a tentar simplesmente anular o nosso futebol em vez de tentar desenvolver o seu. Chegava a ser irrisório como o Rio Ave chegava à frente, algumas vezes com espaço e das duas uma, ou chutava inconsequentemente de longe, ou tentava ganhar cantos com centros estapafúrdios. Mas isso é preocupante: nós não demonstramos incapacidade para criar oportunidades de golo. Criamos várias na segunda parte. O problema foi atitude competitiva. Jogamos na primeira parte de uma forma tão lenta e displicente que parecia que tínhamos caído numa arrogância própria de q…

Para começar não está mal

Imagem
Tinha aqui pedido uma vitória clara para mostrar à Europa e para dar mais uma voltinha à barriga do Platini, já que a nossa presença na competição lhe está a causar tanta azia. Não foi possível e se calhar até estava a pedir demais. Era tudo a ajudar. Primeiro temos meia equipa nova, mas não se notaria tanto se não estivéssemos a entrar na Champions, contra um adversário directo à passagem com apenas 3 (?!) jogos oficiais. Era óbvio que isso se ia notar mas Jesualdo também não ajuda. Se nas laterais não tinha outras opções, Pedro Emanuel daria maior segurança à equipa. Como é que nos podemos queixar de ter a jogar meia equipa nova se deixamos opções válidas e bem mais experientes no banco como Pedro Emanuel ontem e Fucile no jogo da supertaça? A verdade é que apesar de ser um risco desnecessário Rolando e Fernando têm agradado, ao contrário dos laterais, sobretudo Sapunaru que ontem foi ultrapassado várias vezes incluindo no golo e em todas as jogadas mais perigosas dos turcos.
Ainda p…

A fumaça começa a esmorecer. Só faltam rolar cabeças…

Imagem
Está cada vez mais claro que o FCPorto terá que ser capaz de uma demonstração de força na Europa e na Liga Sagres. Temos contas a ajustar com estes energúmenos que continuam a tentar fazer as “coisas por outro lado”, a saber, Pinto Monteiro, Mizé Morgado e o seu séquito de justiceiros, Ricardo Costa, Platini, L. F. Vieira, Emílio Macedo e os 5 Conselheiros Revoltosos.

Comecemos por Pinto Monteiro e companhia. Já sei que herdou o caso e como na altura tinha acabado de tomar posse e estava com vontade de mostrar serviço, resolveu juntar uma equipa de justiceiros para apanhar os mauzões corruptos do Norte, ou seja, o Valentim e o nosso Presidente. Para tal reabriu processos, abriu precedentes com recursos atrás de recursos, há até um despacho inédito que obriga o MP a recorrer de qualquer decisão desfavorável neste caso. Enfim uma fúria justiceira nunca antes vista. Aliás, muito jeito teria feito tal empenho noutros casos como por exemplo a Operação Furacão que afinal já se transformou e…

INSANIDADE LAMPIÃ

Prata, o teu texto está muito bom mas vejo-me forçado a basculizar aqui um link...

Pensei que as lamparinas não conseguiam impressionar-me mais pela estupidez tacanha que os move mas, de facto, conseguiram...

Aqui fica o link para o sitio oficioso dos vermelhos... ou rosinhas...

http://www.miragens.abola.pt/videosdetalhe.aspx?id=2172

Comentem... se quiserem ou se conseguirem...

Estratégia desportiva nos 3 grandes

É difícil prever o que vai valer o nosso FCPorto na liga deste ano. Não será, no entanto, difícil de prever que é o candidato número 1 ao título. Todos os ‘especialistas’ o consideram como tal. Isto apesar de ter perdido 3 jogadores titularíssimos. No entanto, já nos habituamos a que a nossa estrutura resolva estas ‘consequências’ do nosso sucesso. Mas este ano houve mais problemas para resolver. Como encontrar alguém com a velocidade de Bosingwa? E alguém com o rigor táctico do Assunção? E a magia de Quaresma é substituível? Tínhamos 2 hipóteses: ou íamos buscar jogadores feitos com atributos semelhantes aos perdidos (como se isso fosse possível…) ou tentávamos encontrar jovens valores com potencial para em 2/3 anos renderem tanto como os que agora partiram. No entretanto resolvemos com os que já tínhamos no plantel. Tem sido esta a nossa política. Eu pessoalmente, e à primeira vista, acho sempre um risco contratar tanta gente tão jovem, e dá a ideia que se tem contratado mais em qua…

Para não cair no esquecimento...

... a frase é de Riskas nos comments ao post anterior e bem se aplica ao vídeo da semana.

A actualidade não permitiu o regresso dos vídeos made Basculação. O de hoje é da autoria de Azulli do blog Bi-Campeões do Mundo e vale a pena rever. Não é preciso comentar muito mais, basta ver e acompanhar as legendas.

Ainda tens de crescer tanto...

Imagem
Quaresma explicou a razão principal para a mudança da Invicta para Milão: «Nunca escondi que um dos meus objectivos era voltar a um grande clube, é um sonho estar aqui», afirmou.

Notícia do maisfutebol.

É por estas e por outras... miúdo cresce... sem o FCP não eras ninguém...

Fim-de-semana correu mal

Imagem
Não será um fim-de-semana negro mas não correu nada bem.

Tudo começou no sábado. Jesualdo resolve inventar. Muda para um 4-4-2 para fazer face ao suposto poder ofensivo do adversário que apresentava 4 homens na frente com Reyes, Aimar e Di Maria no apoio a Cardozo. A mudança em função do adversário é, por si só, coisa de treinador receoso, mas não foi só isso. Foram lançados 2 jogadores que se estrearam neste jogo com a camisola do FCPorto e que se estrearam também em jogos de dificuldade máxima. Lançados às feras, portanto… Apesar de ter tudo para dar em desgraça, acabou por correr bem e não foi por eles. Não terá sido milagre até porque Rolando e Fernando tinham dado boa conta de si na pré-época, no entanto, não deixou de ser um risco elevado, ainda por cima com mudança da disposição táctica. Este sistema, apesar de soltar Lucho que está cada vez a jogar melhor, apesar de ter caído um pouco na segunda parte, deixa Lisandro e Rodriguez quase entregues a si próprios para segurarem a b…