Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2018

Rendimento constante

Imagem
Mas tal não significa que esteja a ser um rendimento bom ou sequer perto disso. Numa visão simplista, podemos dizer que, nesta época, tivemos uma boa reacção na Supertaça e um grande jogo no Dragão contra o Chaves, na primeira jornada. Tudo o resto oscilou entre o apenas razoável e o sofrível. O problema é que continuamos a não ter explicações conclusivas sobre qual o motivo para este rendimento ou a falta dele. Desde logo, o treinador não mudou. O plantel também não sofreu alterações significativas. O calendário nem tem sido muito exigente, ao contrário do que aconteceu na época anterior. Como poderemos explicar que o FCPorto tenha dificuldade em replicar o futebol que apresentou em grande parte da época anterior? Já nem estou a pedir que se evolua para um futebol com menos transpiração e mais cérebro, algo que venho reclamando há muito. Por agora, bastava-me que replicássemos frequentemente o futebol do ano passado, para que estivesse mais descansado... Mas não o temos conseguido e…

Ponto ou pontinho?

Imagem
Voltámos à Champion! Já estava com saudades, até porque a minha última memória do FCPorto na Champions, foi a cantoria em Anfiled quando entoamos a nova música estreada nesse mesmo jogo.
Abordando o resultado antes do jogo em si, não posso dizer que foi mau. Confesso que, antes de ver jogar este Schalke04, até aceitaria antecipadamente esse resultado como bom. Mas, depois do que vi ontem, pareceu-me que perdemos ali uma boa oportunidade de entrar no grupo de forma autoritária. Poderíamos e deveríamos ter aproveitado melhor as fragilidades do adversário, quer ao nível emocional quer ao nível táctico, quer ao nível das individualidades. Mas mesmo que eu considere o resultado mau, só o futuro nos dirá o que realmente vale esta equipa alemã. Aguardemos para ver o que vale verdadeiramente este ponto.
Mas, se não sabemos o que poderá vir a valer o adversário de ontem no futuro, também podemos fazer a mesma questão para o FCPorto. Parece-nos claro que tem de dar mais do que o que tem dado …

Plantel 2018/19

Imagem
Tínhamos prometido uma análise ao nosso defeso e, agora que o mercado fechou por uns meses e que estamos sem campeonato por uns tempos, parece a altura ideal para esse balanço.
Desde logo uma conclusão que retirei: o FCPorto parece ainda estar fragilizado no mercado de transferências, sobretudo no mercado internacional. Mas isso não implica que se tenha construido um mau plantel. Na sexta-feira poderemos ter uma ideia melhor quando pudermos ver algumas das mais recentes contratações em acção.
O defeso começou com desilusões. Uma anunciada há muito: Marcano partiu, como esperado. Logo a seguir, Ricardo Pereira foi vendido imediatamente antes do Mundial e por valores bons, mas inferiores aos praticados no mercado para jogadores jovens, portugueses e internacionais. A comparação não melhora quando temos vendas recentes de jogadores portugueses da mesma posição e valor similar (para ser simpático). Um deles numa venda recente para o Barcelona, por um adversário direto, e outro vendido pa…

Minuto 69 e Diogo Leite

Imagem
O resultado fez-se na primeira parte e o momento do jogo foi o muito aguardado regresso de Danilo, mas prefiro destacar a liderança de Herrera personificada neste frame e nesta roda improvisada a meio do jogo. O Moreirense tinha acabado que ter a sua melhor oportunidade no jogo mas, além disso, notava-se que o FCPorto começava a perder o controlo das operações. Herrera reuniu ali os onze colegas (Felipe está no chão) e deverá ter apelado à serenidade e à organização da equipa e das ideias. Para quem tinha dúvidas, e eu estou incluído, isto é um capitão! Os resultados fizeram-se notar até ao fim do jogo. Voltámos ao comando das operações e até aumentámos o score perto do final.
Não foi um jogo brilhante porque faltou a fartura de oportunidades de golo a que estamos habituados. Fomos mais eficazes e menos atrevidos. Talvez um sinal dos dois sustos que apanhámos nas últimas jornadas. Depois de perder duas vantagens de 2-0, deu até a ideia que nos esforçámos para manter esse resultado at…