domingo, 29 de novembro de 2009

Masoquistas ao frio e à chuva


São os adeptos portistas nesta época. Mas porque raio é que é tão agoniante assistir aos jogos do FCPorto este ano? Ou não jogamos nada, ou quando jogamos um bocadinho melhor a bola não entra. Foi este o caso de ontem. Foi melhor que frente aos Belenenses e à Académica. Mas tal não significa que tenha sido bom. Foi mais um sofrível... Foi um futebol mais em força que em técnica, mais com coração que cabeça e assim é mais fácil perder-se o controlo do jogo. Aconteceu a seguir ao nosso primeiro golo, aconteceu a seguir ao penalti falhado e aconteceu a seguir ao golo que acabou por ditar a vitória. Resultado: assim é impossível equipa e adeptos ganharem confiança. E cheira-me que vai demorar até que isso possa mudar.

E porque é que acho isso? Porque continuo a ver um treinador que, perante as dificuldades da equipa não muda nada e quando muda é sinal que já estamos em apuros. Continuo a ver o Hulk preso às alas quando cada vez mais me convenço que ele é bem mais perigoso no apoio directo a Falcao. Continuo a ver Belluschi muito longe da área. Por exemplo, estava a defender dentro da nossa área no golo do Rio Ave. Em suma, o que acho é que o que fizemos de melhor nada teve a ver com algum ajuste ou algo novo. Simplesmente Meireles e Rodriguez vão subindo de forma, Hulk não pode jogar mal sempre, Fucile voltou e Varela também. Mas o problema é que continuamos a não ter um esquema que tire o melhor dos nossos jogadores. E enquanto isto acontecer vamos continuar a sofrer...

Individualmente, Fernando esteve muito mal, e Maicon não entusiasmou na estreia. Belluschi, Meireles e Rodriguez começam a entrar no jogo mas sem consistência. Falcao parece só marcar mesmo os golos mais difíceis e Hulk furou a defesa à força e foi como de costume, o mais perigoso. Quanto a Farias e Varela, é bom tê-los no banco para eventualidades como a de ontem.

Equipa para Guimarães:

Helton; Fucile, Rolando, Bruno Alves e Alvaro Pereira; Fernando, Meireles, Bellushi e Rodriguez; Falcao e Hulk.

7 comentários:

miguel87 disse...

Helton para Guimarães?? É por causa dos collants?? Deixa lá estar o Beto, o rapaz merece ir ao mundial.

Por falar nisso, que grandes defesas fez o Ventura, penalty incluido!

Artur disse...

Por mim, desde que o Sapunaru fique em casa a descansar, ou a beber pode jogar qualquer um.

dragao vila pouca disse...

Não foi um Porto brilhante, nem um Porto constante - às vezes até foi irritante -, mas foi um Porto bem melhor que frente ao Belenenses e frente ao Marítimo. Houve vontade, atitude, carácter e alguns períodos de bom futebol, com o Rio Ave, que é uma boa equipa, a ser claramente encostado às cordas, durante uma grande parte do jogo: depois do golo e em toda a segunda-parte - excepção à tremideira depois do 2-1.
Claro que há muito a melhorar. Por exemplo: Hulk agarrado às linhas e obrigado a defender, é um crime de lesa F.C.Porto; Falcao muito recuado, não pode depois aparecer onde é mais decisivo: coração da área. Ali com um magnifico golpe de cabeça obrigou o guarda-redes à defesa da noite; Belluschi tem de jogar mais próximo dos avançados; e depois, o problema dos problemas, um trinco que erra passes e mais passes. Não há equipa que resista a um jogador, normalmente o primeiro na fase de construção, que não acerta uma.
Um trinco não é só para defender e tapar as subidas dos centrais ou dos laterais.

Vamos ter jogos importantes - Guimarães, o autocarro do Setúbal e Benfica. É a hora da verdade. Se ultrapassarmos este período sem grandes danos, com um ou outro acerto, junto com os sinais de melhoria que já se notam, eu acredito.

Ah, eu resisto e comigo o F.C.Porto nunca caminhará sózinho.

Um abraço

riskolas disse...

Ainda não vi rigorosamente nada do jogo.

Estive a passar um belo serão no Pavilhão Atlântico a ver mais um concerto dos MUSE!!!

Já li algumas coisas em blogs e fóruns e fiquei na ideia que, apesar de se notar algumas melhorias a espaços, voltamos a demonstrar um futebol fraco.

Todavia, o que me pareceu unânime, ou quase, foi a péssima exibição do Fernando, pelo que, sou a favor da inclusão do Prediger na equipa titular!

Finalmente, e a verdade é que só estamos a 3 pontos do todo-poderoso-fazemos-o-que-queremos-e-damos-a-porrada-que-quisermos-que-não-há-cartões-para-nós!

Só temos o senão de ter de gramar com o Jesualdo que parece não ver o que toda a gente vê no que concerne os problemas da nossa equipa. Mas eu prefiro ser campeão com o Jesualdo do que não ser campeão sem Jesualdo. :)

Artur disse...

Caro Riskolas,
Espero k um dia k o Porto não ganhe um jogo tenhas estado em kker lado a ver um concerto do Muse ou do Carreira. Aconselho-te a ver as melhores jogadas no site do Jogo e com um som de fundo em k não se ouvem assobiadelas, mas sim um "Sempre Ctgo Allez!!". É com os adeptos de ontem k me identifico.

Lamas disse...

Gostei mais... mais pela vontade e atitude que faltou, por exemplo, no último jogo contra o Chelsea...

Sofrer o empate, logo depois de termos inaugurado o marcador também não ajudou a uma melhor exibição (podíamos ter tido outro noite e ganho mais confiança que tanto nos tem faltado), que até ao momento desse primeiro golo não estava a convencer...

Depois criamos bastante ocasiões e se o penalty entra, talvez tivéssemos a falar de outra exibição...

Mas isto dos se´s pouco ou nada vale, pois é certo que depois de termos conseguído o 2-1, o empate esteve ali à mão para o Rio Ave...

Resumindo... houve mais atitude, mas é preciso mais concentração e só as vitórias trarão a confiança que precisamos...

Destaque individual para o cabeceamento de Falcao... FANTÁSTICO... já se viu que é daqueles jogadores do melhor e do pior e acho que o continuará a ser...

Anónimo disse...

Air Race: Comerciantes do Porto apelam a boicote aos patrocinadores

ASSOCIAÇÃO PREOCUPADA COM EVENTUAL DESLOCALIZAÇÃO DA PROVA PARA LISBOA



A Associação dos Comerciantes do Porto apelou ao boicote aos produtos das empresas TMN, Galp e EDP, que patrocinam o Red Bull Air Race, como forma de protesto contra a eventual deslocalização do evento para Lisboa.

"São muitos os prejuízos diretos e indiretos que a deslocalização do Red Bull Air Race trará para o nosso comércio, para os nossos comerciantes", declarou o presidente da Associação dos Comerciantes do Porto (ACP).

Em comunicado, Nuno Camilo diz que "não se compreende como é que os grandes patrocinadores do evento, TMN, EDP e Galp, têm nos seus conselhos de administração elementos nomeados pelo Governo e não se ouvem vozes de preocupação referentes ao comércio nesta região".

"A taxa de desemprego no distrito do Porto é uma das mais elevadas do país, mas mesmo assim não existe preocupação do poder central em promover a região", criticou.

É neste contexto que a ACP apela "ao boicote no consumo dos produtos da TMN, Galp e EDP", acrescentando que "só falta tirarem o vinho do Porto e o Futebol Clube do Porto à região do norte".

A ACP recorda que "as corridas Red Bull Air Race são uma excelente forma de promoção turística da região e uma verdadeira oportunidade para dinamizar e fortalecer o comércio tradicional".
In record