quarta-feira, 16 de setembro de 2009

A verdade é que perdemos


Poderão dizer tudo o que quiserem e são muitas as atenuantes que vêm à cabeça:
- Nunca lá ganhámos;
- A maldição dos jogos em Inglaterra existe mesmo;
- O golo da vitória é muito feliz;
- Das últimas vezes que lá fomos, se exceptuarmos a última vez em Manchester, poderemos pensar que o facto de não termos sido goleados até é bom;
- Jogámos melhor que o Chelsea em várias alturas do jogo nomeadamente a partir dos 50 minutos na segunda parte;
- Chegámos a encosta-los às cordas;
- Enfrentámos um plantel de outra galáxia;
- Cech esteve inspirado e roubou-nos o golo várias vezes;
- Etc., Blá blá blá e todas as outras razões e desculpas de calimeros.

A verdade é que perdemos, e que as desculpas pouco interessam! E se deu para perceber que esta equipa está bem melhor que a equipa que no ano passado foi a Londres jogar com o Arsenal, também percebemos que há ali coisas que não correm bem ou que poderiam correr melhor. Primeiro e para mim o pior de todas: Guarín foi o nosso melhor jogador de campo e só a grande exibição Helton superou o colombiano. Mas já não estava na altura de parar com estas brincadeiras de chegarmos aos grandes jogos e lançar os Marek Cech's, os Guarín's e os Valeri's? Jesualdo insiste em deixar-nos a pensar no que aconteceria se tivéssemos jogado com o nosso melhor onze, se tivessemos jogado com o Falcao ou o Varela, se o Hulk não tivesse que jogar de costa para a baliza, etc. É óbvio que Guarín correspondeu de uma forma nunca vista e que Jesualdo vai dizer que sempre acreditou nele, que o vê treinar todos os dias e que sabe o que ele vale. Bullshit! Na verdade Jesualdo vive para este seu pequeno prazer de arriscar e tentar surpreender o treinador adversário. Mas quantas vezes resultou? Deixo o repto a Jesualdo: PÁRA COM ISSO! Segundo sintoma que não gostei foram as substituições. Percebo, embora com muito esforço, que Mariano tenha jogado mas não percebo que nao tenha saído aos 30 minutos de jogo. Outra coisa preocupante é a forma física de Rodriguez. O homem parece pesadíssimo e deveria ter saído logo na altura em que saiu o Mariano que até já saiu tarde. Percebo que Jesualdo não tenha arriscado meter uma frente com Hulk, Varela e Falcao de início, mas não percebo que se tenha demorado tanto a perceber o subrendimento de Rodriguez e Mariano. Ou até o subrendimento crónico do Raúl Meireles. Seria uma candidato perfeito para a entrada de Farías no assalto final à baliza do Chelsea. Relembro que nem fizémos a terceira substituição. Pelo menos eu não me lembro. De resto, não gostei da exibição descontrolada de Fernando que além de ajudar a isolar Anelka no golo, terminou em beleza. Para mim o pior em campo a seguir a Mariano. Dos destaques positivos, tivemos um excelente Helton e um Guarín bom, um Fucile em bom nível e boas entradas de Falcao e Varela. Hulk esteve bem até perto do final onde insiste em fazer tudo sozinho e já não é a primeira vez que faz isto...

Mas foi apenas o primeiro jogo e houve em Madrid um resultado que nos deixa em óptima posição para resolver a passagem cedo. Isto porque na eventualidade nada improvável de ganharmos o próximo jogo em casa ao Atlético de Madrid, poderemos atingir os 9 pontos nos dois jogos com o APOEL. Não me parece nada de transcendente.

No sábado acaba o estado de graça do Braga do Domingos:

Helton; Fucile, Rolando, Bruno Alves e Álvaro Pereira; Fernando, Raúl Meireles e Belluschi; Varela, Falcao e Hulk.

17 comentários:

Lamas disse...

E o Álvaro Pereira?!?!?! Nem uma referência... o gajo não se cansa... para mim foi o melhor...

Hulk, jogou os 15/30 primeiros minutos e na parte final, já encostado à linha, quando devia aparecer, não apareceu, tal como tinha sucedido em casa com o Manchester... continuo acreditar muito nele porque tem um enorme potencial, mas tem de amadurecer para aparecer nos jogos que realmente interessam...

Se tivéssemos empatado, talvez tivéssemos assegurado já ontem os oitavos...

Lamas disse...

Riskas, vais fazer um hiper comentário ou um post a rasgar no Jesualdo?

O vídeo da semana está, obviamente, adiado para amanhã...

prata disse...

Custa-me elogiar um defesa lateral que defende tão mal... Até um central adaptado a lateral passa por ele...

miguel87 disse...

Apesar de conseguir segurar o jogo e conter o ritmo do Chelsea, o Porto falhou demasiados passes e errou, mais uma vez (Bruno Alves em Old Trafford), no golo consentido.

Na fase final, mais do que o Porto empurrar Chelsea, parece-me que Anceloti, como bom Italiano, é que recuou a sua equipa á espera de aproveitar um contra-ataque para matar o jogo, mas mesmo assim penso que nunca criamos perigo real.

Agora para o jogo com o Atletico, será que o departamento juridico conseguirá convencer a UEFA a inscrever o Prediger??

Quanto ao Jesualdo, acho piada a vir queixar-se que é cada vez mais dificil jogar no Dragão porque as equipas se fecham muito, e depois vai fazer o mesmo para Londres... small minds=small results.

Vitórias morais, não obrigado.

Lamas disse...

Concordo... mas ontem, a maior parte dos lances de perigo que tivemos, ele esteve na jogada... e estávamos perto dos 90 minutos e ainda corria como um louco...

riskolas disse...

Começando pelo fim, também eu gostei do Álvaro Pereira.
Não é um prodígio a defender, nem contra um central, sobretudo quando nem o Meireles nem o CR10 faziam a respectiva cobertura.

Lamas, quanto à tua pergunta a resposta, em jeito de pergunta é: Para quê e porquê? O homem não fez nada de novo nem nada que nos surpreendesse.

Embora não perceba como é que o Guarín foi lançado no jogo desta maneira - sujeito a ser queimado definitivamente - aceito que o treinador, face às condições próprias do jogo, troque uma peça por outra (Guarín por Belluschi).

O que não percebo é como ele insiste no Hulk a Ponta de Lança, tendo de jogar de costas para a baliza, tendo de levar porrada constante do Terry, do Carvalho e do Cole, quando descaia para a direita, e até do Essien, quando tinha de ir buscar jogo. Ora, depois disto, torna-se complicado exigir-lhe muito mais.

Quanto ao Mariano, se já me custou vê-lo jogar a primeira parte toda, vê-lo a regressar para a segunda parte pareceu-me gozo!

O CR10 esteve lesionado, não fez a pré-época, fez viagens transatlânticas, jogou pela selecção e volta para ser titular.

O oposto disto chama-se "Varela & Falcao".
Tento por-me no lugar destes dois e vem-me o seguinte pensamento: "Foda-se!, nós jogamos e bem, nós estamos a ganhar rotinas, nós marcamos golos... e ele tira-nos?? Deve confiar em nós, p'ra caralho!!"
Aliás, no caso do El Tigre até acho que o Jesualdo queria era o "jeroajero" e tinha medo que o rapaz continuasse a facturar.

Concluindo, ORA FODA-SE QUE EU ESTOU FARTO DESTE FILME!

Fala-se muito em "identidade" mas as vitórias morais nunca fizeram parte da identidade do FCP!

prata disse...

No que diz respeito à troca de Belluschi por Guarín não podemos ter só em conta as diferentes características dos jogadores. Também convém ter em conta que estás a trocar um jogador que jogou praticamente os minutos todos em jogos oficiais por outro que julgo que se estreou a jogar e logo a titular e em Londres. E não consta que tivesse estado lesionado... A opção correu bem mas é inexplicável racionalmente...

riskolas disse...

Daí dizer que não percebo...

Aceito porque são jogadores da mesma posição mas, face às circunstâncias, não percebo...

Correu bem e, com jeitinho, ganhamos um jogador!

Preferia ter ganho o jogo!

Toni Silva (F.Rego) disse...

Caros Portistas,

Penso que o nosso jogo não foi mau, mas sempre em função das mudanças de ritmo do Chelsea e claro de Essien (que portento de jogador!!).

Acho também que o nosso Professor gosta como sempre de inventar nos jogos grandes europeus e este não foi excepção. Agora pergunto, quantos ganhamos??

Deveriamos ter aproveitado desde início a veia goleadora de Falcao e Varela, mas enfim .... É o mesmo fado de sempre do Professor.

De qualquer modo acho que o Chelsea neste momento está entre as 3 melhores equipas da Europa, logo o resultado infelizmente pode considerar-se normal, apesar que ficamos com um sabor amargo.

Penso que continuamos com a qualificação completamente em aberto.

Pispis disse...

Era o jogo c a menor responsabilidade possível: contra a melhor ekipa do grupo e fora de casa, n havia necessidade de inventar tanto...

Para as alas temos por ordem decrescente de forma: Varela, Hulk, Mariano e Rodríguez (jogou c os dois piores).

Fico contente pelo Guarín, mais uma exibição igual à de Londres mas contra o Arsenal e já só jogava pela Colômbia... Acho q Meireles fez um grande jogo, aliás penso q é o único q tem pezinhos nakele meio-campo para sair a jogar e está em todo o lado (ontem tornou a aparecer mais vezes perto da área e podia ter marcado um golo à Scholes)...

Cech fez 3 grandes defesas dp de ter enterrado no passado fds (duas com os pés e outra a remate de Varela), mas o Helton tb esteve em grande e n costuma estar assim nestes jogos :-)

riskolas disse...

Pis, estás 100% correcto!

O pior que nos podia acontecer era perder! O que é que aconteceu? Perdemos!!!

Este jogo era perfeito para testar a equipa, dar-lhe confiança!

O que se passará na cabeça do Falcao??? Ele está farto de jogos internacionais!!!!

É o que temos... Uns gostam, outros não gostam... Só quero é continuar a ganhar!

Pispis disse...

De referir o APOEL com o grande JEAN PAULISTA, Paulo Jorge, Morais e Pinto a empatar no Calderon. Se não inventarmos nos próximos 3 jogos temos é q pensar em ficar em 1º lugar outra vez, mas atenção com o Atlético, akele Forlan é fantástico...

Daniel disse...

Post demasiado negativo para a boa exibição realizada, tirando a desconcentração no golo sofrido. Fernando esteve muito mal, irreconhecivel.

Claro que o resultado é mau, mas comparando com o que aconteceu no inicio epoca do ano passado, estamos bem melhores e isso agrada-me.

Alvaro Pereira convenceu-me a defender, temos jogador.
Grande exibição de Helton, se estivesse sempre concentrado como esteve ontem seria um GR de top, raul meireles esteve bem ao contrário do que dizem e Fucile está a subir de forma a um ritmo alucinante.

Por fim, para mim o maor cepo que tinhamos no plantél até ontem, Guarin! GRANDE EXIBIÇÃO, parabéns pela grande surpresa que foi e o que jogou, foi o Essien à nossa medida. E sim foi uma boa aposta em detrimento de Belluschi, dizem que é uma opção irracional mas elogiam a exibição! A aposta em Mariano foi errada, não devia ter vindo do intervalo. Os que criticam rodriguez e a opção de Jesualdo são os mesmos que o queriam na equipa principal em vez de varela.

Para o que eu estava à espera, fiquei surpreendido, penso que vamos fazer uma boa campanha na CL.

Como é apanágio deste blog, cascar no Jesualdo continua em alta à semelhança de anos anteriores, por isso só penso que os reultados serão tão bons ou melhores que os do passado.

MANU disse...

Não venho normalmente a estas bandas, mas após ler a análise e os comentários, não consigo deixar de exprimir a minha opinião (não deixa de ser apenas isso). No geral gostei do jogo do Porto e não acho que tenhamos jogado só o q o Ancelotti deixou jogar, pois apesar de Italiano o Chelsea já tem pelo menos um vitória por 5 na premier. Sentiu-se algum medo ou respito por parte dos blues. Apesar de não gostar do Guarin percebo e concordo com a ideia do treinador - ganhar força no meio campo...e nesta perspectiva percebo a entrada do Rodriguez e Mariano, também para maior apoio defensivo. Realmente isto deixou o Hulk bastante isolado, mas também permitiu a divisão no controlo do meio campo (com ou sem bola). Gostei dos primeiros minutos do Rodriguez, e em algumas arrancadas e recuperações até o achei bastante rápido e cheio de motivação, mas sem pernas para 90 minutos evidentemente(pesado não)!
Raul Meireles é um gd jogador, mas nestes jogos contra tubarões parece que tem medo de meter o pé à bola e por isso dar-lhe-ia nota menos...Álvaro Pereia agradou!
Essien - um portento, sem dúvida! O comentador não deixou que nos esquecessemos disso! Mas esse portento poderia com outro árbitro não ter chegado ao fim do jogo - já depois do primeiro amarelo fez uma gravata ao Hulk e fez outra falta no meio campo num contrataque do FCP, em que após o apito do árbitro seguiu de forma inteligente com a bola nos pés quase até à sua gd área e assim o árbitro, tb inteligentemente, deu o lance como uma falta normalissima! Não culpo a arbitragem do resultado e penso que ambas as equipas mereciam um empate, mas mão deixei de gostar!

Tony Silva disse...

Infelizmente não tenho conseguido acompanhar os jogos com a atenção que gostaria, voltou a ser assim na primeira parte. Uma filha de 2 anos dá muito trabalho :)

Seja como for, como diz o Pis, este era o jogo em que não tinhamos nada a perder e muito a ganhar. "Ninguém" esperaria que o Porto ganhasse ou pelo menos empatasse, por isso... pq não jogar à Porto, de peito aberto, sem inventar, com a táctica rotinada e a equipa habitual???

Whatever...

Acho que a sensação que ficamos que "o Porto até jogou bem" prende-se com os ultimos trinta minutos que fizemos em que de facto "massacramos" o Chelsea e jogamos sempre no meio campo deles.
Mas isso aconteceu pq o Chelsea já ganhava. Acho q foi um dominio mais consentido do que conquistado.
É a tal vitória moral que já pouco nos diz. O que queriamos mesmo era estar na posição do Chelsea, a ganhar e a aguentar estoicamente a reacção natural do adversário.

Individualmente, apenas alguns apontamentos:
Helton fez uma grande exibição! Sem querer tirar o mérito dele, aponto no entanto que muitas das bolas que deram grandes defesas, foram bolas à figura :) Mas ainda assim foi uma grande exibição, talvez o MVP do Porto.
Entendo que o Guarin jogou (em vez do Beluschi) devido às condições do tempo. Parecia um diluvio!
Fez um grande jogo mas acho que já vimos este filme. Não me admira que o prof aposte nele esta semana para o campeonato e que ele seja o pior em campo :)
Mais uma vez recordo q não vi a primeira parte com muita atenção mas na segunda vi um bom Raul Meireles.
Hulk contra estas defesas não pode jogar no meio (ainda para mais sozinho) pois perde o poder de explosão. Acho que nestes jogos tem de jogar nas linhas, com espaço para correr ou fintar. No meio tem muita gente, não se consegue ver o mesmo Hulk.

prata disse...

Por acaso o Manu referia uma coisa que também poderia ter ajudado. O primeiro amarelo ao Fernando é muito semelhante a uma das faltas que faz o Essien já com amarelo. E há ainda um agarrão a falcao na área. Enfim... É o estatuto de tubarão.

De resto e vejo isso em muitos dos comentários e não concordo nada: um até nem foi mau ou um estava à espera de pior dado o poderio do Chelsea. Até conseguimos equilibrar o jogo... Não me contento com estas coisas...

Ricardo de Sousa disse...

Prata,

O Fernando até só fez uma falta durante todo o jogo.
O primeiro amarelo é muito mal mostrado. Quem faz a falta sobre o Essien nesse lance é o Guarín.
E não tenho dúvidas que o segundo amarelo não era mostrado caso a cor da camisola fosse outra.

Abraço