quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Via aberta


Lopetegui ainda não ganhou nada no FCPorto. Quantas vezes ouvimos isto? É um facto. Mas parece que este ano vai andar mais perto de um deles. Já não terá os 'grandes' pela frente e, tendo jogado sempre com equipas de escalões inferiores, fora de casa, está a um jogo das meias finais. Aí as coisas ficam mais fáceis por dispormos de dois jogos. Nada de extraordinário, mas significativamente melhor que no ano anterior. Não podemos dizer o mesmo da participação na Champions, do desempenho do treinador ou do futebol praticado em geral.

Apesar de se tratar de uma equipa da segunda liga eu considero que, teoricamente, o primeiro classificado dessa liga é tão ou mais perigoso em casa do que 6 ou 7 equipas da primeira liga. Foi difícil, mas não tanto como esperava. O golo apareceu no meio de um futebol sonolento e desligado. Nada de novo. Apesar de tudo melhorámos na segunda parte. Fomos muito mais seguros com bola e dominámos por completo. Houve apenas uma excepção num lance que me pareceu precedido de mão na bola.

Nada a reter a não ser o regresso aos golos de Aboubakar, os cruzamento venenosos de Jose Angel e a boa capacidade de gerir os tempos de jogo de Evandro e Bueno, na segunda parte. Direi também que Sergio Oliveira já deveria estar à frente de Imbula nas opções e nas convocatórias. Pelo menos sabe circular a bola e não apenas correr com ela. Acho que poderia ter entrado o André Silva. Se não se tem confiança nele para a segunda parte deste jogo, não vale a pena pensar nele para fazer de Osvaldo na segunda parte da época. Aliás, juram-me que já está contratado o novo Osvaldo e que se trata de Suk do Setubal. Veremos.

Siga a Taça em direcção ao pic-nic. Já agora, para compor a relativa sorte que temos tido no sorteio, poderia sair agora um jogo em casa.

2 comentários:

Anónimo disse...

É garantido que o Sr Lopetegui tarde ou temprano, vai sair do Dragão, sem nada ganhar.
Não abrirei espumante quando esse dia chegar, pois estou convencido, que a Sad do MEU, do TEU, do NOSSO FCPORTO, arranjará outro incompetente como ele.

Luís (O do Nuno Espírito Santo, Pedro Martins, ou Lito Vidigal)

Anónimo disse...

Neste ultimo jogo (tal como noutros anteriores) a unica verdadeira regularidade e a falta de principios de jogo ofensivos de qualidade.
Os unicos jogadores a quem lhes e permitido verdadeiramente brilhar em termos ofensivos no FCP de Lopetegui sao os laterais (na ausencia de Brahimi - quando este joga, entao soma-se este aos ja referidos laterais). Posse de bola sem qualquer tipo de objectividade ate que, com os alas a aclararem para deixar corredores laterais abertos, e um fartote ver jose angel/layun/maxi a subirem, receberem a bola e imediatamente a seguir o Porto perde a bola. Esta ideia talvez so resultasse com Roberto Carlos e Cafu nos seus melhores dias. Incrivel! Extremos a tocar bola a 1/2 toques e laterais armados em Peles. Se fossem prodigios tecnicos em drible/assistencias nao seriam def laterais!
Coitados dos medios centro neste Porto e sobretudo coitados dos atacantes. Nem Jardel com estes cruzamentos fazia golos!