segunda-feira, 9 de março de 2009

Comandante deu o mote em Mar sereno





O Porto demonstrou nesta jornada mais do mesmo, facilidade tremenda em jogar fora-de-portas com exibições seguras e vitórias tranquilas. A excepção só foi mesmo em Madrid, mas isso já todos conhecemos a história com um frango pelo meio e oportunidades atrás de oportunidades desperdiçadas.


De referir que esta crónica está ser feita por alguém que viu o jogo no Mar e, por isso, pode estar algo desvirtuada de alguns factos que possam ter sido descortinados apenas pela tv, aliás tive que me ausentar por alguns minutos na primeira parte porque tinha o meu afilhado no colo que, para não perder pitada do jogo, decidiu mijar-me em cima. Enfim, levar menininhos ao estádio dá nisto, ao menos é uma defesa quando passamos por desacatos ainda antes do jogo porque se há uma coisa que os pseudo-hooligans ainda tem respeito é por pessoas que levam crianças ao colo!


Quanto ao jogo propriamente dito, Jesualdo aproveitou para rodar a equipa, fosse por obrigatoriedade ou fosse por opção, jogamos com Farías, Mariano e Tomás Costa. Ok, só surpreendeu Lisandro no banco, mas mostrou que para jogos contra o Leixões ou equipas que se assemelham como a Naval, Paços de Ferreira, Trofense e outros mais, 3 ou 4 jogadores que por norma não são opção, quando jogam no meio do núcleo duro da equipa, de certeza que não vai ser por eles que o Porto não vai ter mais domínio ou mais oportunidades de golo do que aquelas equipas. A gestão podia ser assim há muito mais tempo e, se calhar, tínhamos mais uma final para disputar ou, pelo menos, não seríamos eliminados por números iguais ao de ontem.


O Porto entrou bem na partida e o Leixões, que desde há muito denota pouca profundidade ofensiva apesar de sair bem para o ataque, apenas tentava sacudir a pressão sem conseguir fazer mais do que dois/três passes seguidos. Beto ainda evitou o golo (que se adivinhava a qualquer momento) com duas saídas corajosas aos pés dos jogadores do Porto até que surge uma grande penalidade infantilmente cometida por Hugo Morais. Sinceramente não compreendo como é que os jogadores num canto dão propositadamente mão na bola. A entrada de Chumbinho permitiu que o Leixões tivesse mais um elemento de apoio a Rodrigo e Diogo Valente e com isso subiu mais no terreno embora sem causar perigo ou colocar em causa o domínio do Porto, no entanto, foram dez minutos antes do intervalo que deixaram a sensação que o Porto poderia adormecer um pouco na partida (quase como em Paços de Ferreira) e que o Leixões ainda poderia assustar os tricampeões. Tudo vai por terra com mais uma oferta leixonense, no caso, Laranjeiro que assiste primorosamente Hulk.


A partir daí, com muitos metros concedidos ao ataque do Porto para jogar em transições rápidas como os nossos jogadores tanto gostam de fazer, foram criadas muitas oportunidades e com facilidade se chegou a uma goleada perante um adversário que tende a cair progressivamente na tabela classificativa mas a quem todos reconhecem o excelente campeonato realizado até agora, inclusive os sócios que brindaram os ‘peixeiros’ com uma grande salva de palmas e cânticos de apoio enquanto regressavam aos balneários no final da partida.


Última nota para Helton, ainda não vi o lance na televisão mas embora me pareça que Cissokho pudesse ter evitado o choque, não deixa de ser mais uma falha incómoda que não tem maior dimensão porque desta vez ganhamos confortavelmente.


Muita atenção aos colchoneros que parece que acordaram depois do recital de bola que levaram dos dragões. Equipa para eles (pensei mesmo muito no onze): Helton; Fucile/Sapu/Tommy, Rolando, B . Alves e Cissokho; Fernando, Meireles e Lucho; Rodríguez, Lisandro e Hulk.

15 comentários:

Lamas disse...

Crónica directamente do Estádio... Muito Bom!!!

No vídeo o pormenor do Lucho ajeitar a relva, dando biqueiradas no relvado está fantástica... Mas jurava que quem filmou aquilo devia estar na bancada do LSC...

Quanto ao jogo o meu destaque vai para Ernesto Farias... não porque o ache um jogador sublime, nem que tenha lugar de caras no FCP... mas no Sábado deu jeito, dando-se ao luxo de passar por um "peixeiro" em velocidade... INACREDITÁVEL... além disso a estatística fala por ele... uma assistência, um golo e outro possivelmente mal anulado na sequência do cabeceamento de Bruno Alves à trave...

Mais uma nota para o Sr. Árbitro, que além desse lance do Bruno Alves (teoricamente deveria beneficiar o ataque), não assinala o penalty sobre Meireles... ok, toda a gente que o Meireles dá um salto descomunal, mas assemelho aqueles lances com os lances entre o avançado e o GR... o gajo do Leixões (internacional sub-20 brasileiro) vai lá... não acerta na bola, logo é penalty claro...

Tony Silva disse...

Dá-me a sensação que o Cissokho nem toca no Helton, mas tudo bem... seja como for não é motivo para fazer aquele espectaculo e largar a bola.
Fez lembrar aqueles defesas que param pq era fora de jogo... o problema é que o árbitro não apitou e o avançado seguiu a jogada.

O mais "engraçado" é que o Helton faz aquele papel de indignação no inicio, mas depois de a bola ir ao meio ri-se para quem está atrás da baliza. Se já não estivessem 4...
Este gajo é bom redes, mas tem coisas de puto. Se alguém der dinheiro por ele no final da epoca, é despachar...

O HULK É QUE NÃO PODE SAIR!

Artur disse...

É Fari Goooooolllll!!Ponta de lança de nível

prata disse...

Mais uma vez não vi o jogo porque estava num casório e como estava na mesa principal, nem se quer pude ir ouvir um pouco do relato... Só ontem vi o resumo no domingo desportivo. No entanto, fui sabendo do que se passava através das sms's de Lamas a quem agradeço a pachorra. A melhor sms de todas foi a do terceiro golo em que é dito que Farias passa em velocidade por um defensor. LOL. Imaginem só os festejos de Artur ao ver o seu menino...

Quanto à poupanças, e como não vi o jogo, tenho dúvidas se a é como dizes e o rendimento da equipa não sai alterado com a entrada de 2 ou 3 peças ou se basta apenas ter Hulk em campo... Esperemos é que não tenha na 4a um apagão como os que teve frente a Benfica e Sporting...

Vi ontem o Benfica na Figueira e dá para perceber que começou a serie de faltas e faltinhas em redor da área que os levou ao seu ultimo título. Ontem o lance da falta que dá o golo é no mínimo caricata e ao gosto do freguês...

Pispis disse...

Lamas, fui ver o jogo para a central pk ver futebol atrás das balizas n tem piada nenhuma :-)

Ainda n vi o lance do Helton na tv mas no estádio fiquei com a sensação q ele caiu pk se desequilibrou no contacto com o Cissokho...

E qt à rotatividade se calhar tens razão, até podemos mudar 7 ou 8 desde q o Hulk esteja lá :-)

Artur disse...

Na quarta temos de deixar o Farias descansar para Domingo. Acho k vai ser fazer 3 golos à Naval. Não sei se ja repararam, mas em cada três remates ele faz 2 golos, mesmo k não faça mais nada durante o jogo.

Toni F.Rego disse...

Depois dos desacatos provocados pelos "peixeiros" contra os nossos adeptos, a Administração do nosso Clube só tem uma medida a tomar .... Fim do empréstimo de jogadores, visando enviar o leixões para o "buraco" de onde nunca deveria ter saido.

Esta é dedicada aos Portistas encapotados que em pleno Estádio do Mar envergam camisolas leixonenses.... e meninos ao colo.

Pispis disse...

É isto... o Leixões vende um joguinho ao Porto e há logo estes ingratos :-)

António da F. Rego (fdx, passo-te tantas vezes a mão na carequinha e ainda continuas ressabiado c os 2 golos dakele gajo da III Divisão no Dragão), achas q o Porto n tá a tentar mandar o Leixões para o buraco? Primeiro, o Leixões subiu sem jogadores do Porto; segundo, o ano passado ficou na I Liga por milagre c mt jogadores do Porto. E agora compara a qualidade dos jogadores emprestados pelo Porto às outras ekipas e ao Leixões: no Leixões está o Diogo Valente (ok, até me está a surpreender esta época mas mm assim...); no Setúbal lembro-me do Leandro Lima e Bruno Gama; no Trofense o Hélder Barbosa; no Estrela o Nuno André Coelho q pelos vistos é o novo Ricardo Carvalho; no Rio Ave o Edson e o Candeias (este é pior q o Diogo Valente) :-) até o Olhanense tem gajos emprestados melhores! Isto n é tentar mandar o Leixões para o buraco? :-)

Qt aos desacatos, continuo a dizer-te q foi entre gajos do Leixões, mas se há gajos do Porto q foram para a bancada destinada a sócios e manifestaram-se, meu amigo, é um convite a levarem uma corridinha...

O nosso basculante Icas tb queria ir para o meio dos sócios do Boavista de cachecol do Porto, mas dp achou por bem fechar o casaco até cá acima :-)

riskolas disse...

Pis, antes de mais, bem feita pela mija que levaste.

Quanto ao jogo, enquanto houver Hulk e equipas a quererem atacar, ninguém nos pára.

Nos jogos em casa, espero ver menos um defesa ou médio e o Farias lá na frente com o Hulk, Rodriguez e Licha!

Anónimo disse...

Carolina desmente-se a si mesma
MUITAS INCOERÊNCIAS EM LONGO INTERROGATÓRIO DE ADVOGADO DE PINTO DA COSTA








Augusto Duarte já esteve presente esta manhã no Tribunal de Vila Nova de Gaia e disse que já está disposto a falar mas só depois de Carolina terminar de ser ouvida. A ex-companheira de Pinto da Costa chegou já com a sessão a decorrer e foi sujeita a um longo interrogatório por parte de Gil Moreira dos Santos, advogado do presidente dos dragões, durante o qual entrou várias vezes em contradição em relação a pormenores que revelou no livro e também na fase de instrução do processo.

Gil Moreira dos Santos quis saber onde se encontrava no momento em que o encontro entre Pinto da Costa e Augusto Duarte se deu e Carolina teve muita dificuldade em apresentar uma versão coerente. A própria juíza não pareceu satisfeita com as respostas dadas. Carolina justificou algumas incoerências, dizendo tratar-se de "forças de expressão".

Gil Moreira dos Santos disse que o que está a acontecer com Carolina é aquilo em que em criminologia se designa telescoping, ou seja a testemunha revela uma maior precisão dos factos à medida que estes se distanciam do tempo.

Carolina chegou a dizer que o corredor da casa onde vivia com Pinto da Costa "fazia parte da sala" para justificar que esteve sempre presente durante o encontro com Augusto Duarte.

Esta tarde deverão ser ouvidos Augusto Duarte e os peritos de arbitragem Jorge Coroado, Vítor Pereira e António Araújo

in record

prata disse...

pis a quem de referes quando falas daquele gajo da III Divisão no Dragão? Não me lembro. Se calhar não apareceu mais... Já foi devolvido à precedência como aqui previ?

Artur, o teu Farias é de longe o nosso avançado mais eficaz... Rara a vez que joga e não marca. Mas continua a ter utilidade limitada no futebol moderno...

Anónimo disse...

De cabeça perdida!

blasfemias.net — Quem assistiu ontem ao programa do comentador futebolístico Rui Santos estranhou as suas afirmações que ultrapassaram o campo das insinuações habituais do mundo futeboleiro (o já típico lançar de suspeitas difusas ao jeito do “vocês sabem do que eu estou a falar”!).

Rui Santos, num exercício misto de comentário sem qualquer rigor e de exorcização das (suas) frustações da jornada, pôs em causa, gratuitamente, a honestidade do Leixões e de alguns dos seus jogadores, derrotados no jogo de sábado passado com o F C Porto.

Para além de não comentar nada, em termos de futebol propriamente dito, a sua crónica televisiva - uma tentativa de reprise futeboleira do programa de Marcelo Rebelo de Sousa - acabou por ser um exemplo acabado de como se atingem gratuitamente terceiros! Aguarda-se que alguém processe judicialmente o senhor ou o desmascare…..Ou então, descredibiliza-se gratuita e totalmente a “indústria do futebol” (como Rui Santos gosta de dizer) que o próprio vai tentando comentar… Para já, conseguiu-o relativamente ao seu programa “Tempo Extra” da SIC - N.

PS - 1) Talvez o “efeito TVI 24″ já tenha alguma coisa a ver com este tipo de atitudes televisivas que até fariam corar a própria Manuela Moura Guedes!

2) O meu espanto foi tanto maior quanto até apreciava o programa de Rui Santos e até lhe reconhecia alguma tentativa originalidade …

3) Para que conste, entre outros desmandos, Rui Santos acusou expressamente o Leixões de facilitar a vitória do F C Porto e, em especial, acusou os jogadores Beto, Laranjeiro e Hugo Morais de terem cometidos erros voluntários. Insinuou ainda que o F C Porto iria, brevemente, pagar os salários em atraso existentes no Leixões

Autor: JockeR a 9 Março 2009 - 9:44 mau artigo Fonte: blasfemias.net
futebolar

Toni F.Rego disse...

Pis,

Perante as tuas palavras, apenas posso concluir que nas bancadas dos "peixeiros" não impera o "fair-play".

Quanto aos empréstimos é uma pena que faças o habitual "cuspir no prato".

No entanto, espero que na 4ªfeira voltes ao lado dos "bons" e confirmes a nossa presença em mais uns quartos-de-final.

Portoooooo!!!!!!!

prata disse...

O Prata recomenda a todos os que gostam de pessoas a falar de si na terceira pessoa do singular, que não percam a entrevista que Miguel Veloso deu hoje no Aeroporto. É de ir às lágrimas...

Lamas disse...

Esse gajo é muito forte a falar no Miguel... :)

No que toca a visitas ao Mar, o meu pai também tem um rico historial nas visitas do FCP lá... mas ir-se meter na boca do lobo também não é a melhor escolha... :)