segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Magia



Diga-se o que se disser do Lopes e da equipa, este ano temos assistido a grandes golos no Dragão. O de Danilo contra o Rio Ave, o de Jackson na quarta-feira, o de Brahimi com o Nacional e o de ontem, talvez o melhor de todos. Hesito entre estes dois últimos. O Inverno tem sido rigoroso e o campeonato tem sido por vezes ingrato, mas uma ida ao Dragão tem valido a pena por estes momentos. Ontem até tivemos dois, porque o golo de Tello também foi muito bom. À minha volta, há gente que já não se levanta para festejar os golos, mas estes momentos activam a mola na cadeira. Sublime!

A eliminação na CAN, traz Brahimi mais cedo do que antecipado. Quem sai? É difícil. Se utilizarmos o 'clapómetro' e o 'assobiómetro' do Dragão, sai Tello. Eu continuo a achar que Tello encaixa melhor neste esquema de Lopetegui. Mas percebo que me digam que o tipo não dá tudo e que desperdiça 70% das jogadas que ele próprio torna perigosas com a sua velocidade invulgar. Quaresma é Quaresma! Por muito que já não consiga resolver lances com velocidade, a arte chega e sobra! Percebo que o Dragão o queira, mas perdoem-me o sacrilégio: parece-me que Brahimi fará esquecer Quaresma e que Tello é o mais diferente dos três. Não que seja melhor. É diferente e traz diversidade ao nosso jogo por vezes monótono. Prefiro uma ala com um mágico com capacidade de romper pela ala ou pelo meio e, do outro lado, um velocista capaz de explorar as costas da defesa contrária. E cheira-me que o Lopes também vai preferir. Não sei se será pelos mesmo motivos, mas julgo que a decisão está tomada.

O jogo de ontem foi bem conseguido. Não marcámos muito cedo mas cedo pusemos o adversário em sentido, pressionando a sua saída e conseguindo várias recuperações no meio-campo contrário. O avolumar do resultado foi natural e sustentado. Pareceu-me que, mesmo em ataque planeado, não se viu tanto daqueles irritantes balões para as alas. Usou-se o jogo longo com muito mais critério. Dizem que o Paços gosta de jogar, mas é preciso que os adversários deixem. Se não deixarem é o que se viu...

Individualmente o MVP vai para Quaresma que demonstrou a serenidade de um Evandro no lance do penalty para depois fazer com a trivela aquilo que a maioria dos esquerdinos não consegue fazer com o pé esquerdo. Jackson está em quatro dos cinco golos e Oliver está em todo lado. Tello teve muitas jogadas boas e algumas péssimas. Ainda assim, continuo a achar que está mais interventivo. Pela negativa, acho que Casemiro não tem de fazer falta em cada lance que disputa. Ruben Neves entrou e fez muitas asneiras o que nem é habitual nele.

Uma última referência paraq esta nova interpretação disciplinar para faltas sobre jogadores isolados. Pioneira...

Dizem que foi a resposta à derrota com o Marítimo, mas julgo que a resposta terá de ser dada no Sábado (na sexta-feira) em Moreira de Cónegos. Há que pôr pressão no clássico da TV a preto e branco!

7 comentários:

Lamas disse...

Para sexta, um resultado e uma exibição como a de ontem, seria perfeito...

Quanto ao árbitro não percebo... Lances de falta e tal e as questões de intensidade são subjetivas e dá para argumentar... Quando a falta tá assinalada e o critério disciplinar é objetivo não compreendo a razão de não o fazer cumprir e também não compreendo dos não cumpridores não serem devidamente punidos pelo organismo que os tutela...

Rui André Silva disse...

Excelente post,só uma correção:) o jogo com o Moreirense é no sábado!às 20h15m

Sempre Porto!

Lamas disse...

pois, entretanto já tínhamos comentado isso pessoalmente, mas não viemos retificar... obrigado...

Pispis disse...

Prata, tb n compreendo esse pessoal q n se levanta nos golos e ainda compreendem amarelos a gajos q fazem falta qd os adversários vão isolados :-)

bruno rodrigues disse...

Fala lá mal do quaresma agora ó pispis se tens tomates para isso?

Pispis disse...

LOL
Eu estou todo contente porque dp do jogo do Paços acredito q podemos fazer mais € 500k na venda dele para um clube do Catar!

bruno rodrigues disse...

Estás a acreditar que podes viver um sonho só teu.