terça-feira, 22 de abril de 2014

Três



Três golos, três pontos e está confirmado o terceiro lugar no campeonato. A justeza dos números está por ordem crescente. A vitória por três golos é demasiado para o que produzimos e os três pontos não escandalizam ninguém. Quanto ao terceiro lugar... Apropriadíssimo! Nada me convence que merecemos mais que isto. Nem a ideia que tenho sobre o o verdadeiro valor dos jogadores, nem a comparação teórica com os planteis dos adversários e outros exercícios que só servem para nos iludir. Outro factor que nos tem iludido bastante tem sido a arbitragem. Aconteceu várias vezes sermos claramente prejudicados em jogos em que não apresentamos um rendimento suficiente. Lembro-me da Amoreira, da Luz para o campeonato e Taça, de Alvalade, de Sevilha e da Choupana. As arbitragens aí serviram apenas para nos iludir e podermos pensar que merecíamos um pouco mais do que o empenho e o futebol apresentado fariam merecer. É certo que são jogos de mais, mas tendo visto tantos jogos este ano, julgo que consigo tirar as arbitragens da minha análise e concluir que, em futebol jogado, o terceiro lugar ajusta-se.

O jogo de ontem foi um jogo de equipa traumatizada. A temporada vai longa e as desilusões acumuladas põe uma pressão grande sobre todo e qualquer erro cometido. O jogo salvou-se com a entrada forte na segunda parte. O golo surgiu e foi possível jogar com outro 'à vontade' e com mais espaço.

Individualmente gostei das exibições de Danilo e de Jackson. Darei o MVP a Danilo porque parecia querer empolgar a equipa no seu pior momento, a primeira parte. Gostei dos 'lampejos' de Quintero e da segunda parte de Herrera e de Ricardo. Alex Sandro estava a jogar tão mal na primeira parte que pensei que ia ser ele a sair para a entrada de Ghilas. Por falar nele, também não gostei da sua exibição. Maicon está de regresso. Tarde demais, mas a tempo da próxima época.

No Domingo temos a Taça que nunca quisemos ganhar. Só o adversário e a vergonha de época que temos feito poderão trazer motivação extra a uma competição que não a merece.

6 comentários:

Taqui disse...

eu axo que ao intervalo foi alguem ao balneário dar um berro naqueles mercenários! Nem respeito tiveram pq vai ao estádio! Entao aquele Alex Sandro, parecia o herrera, conseguia perder a bola e qd a passava era para o adversário!
De lamentar ver o Mangala a mancar e a jogar. pq nao se poupou mais uma vez para Domingo? e de lamentar os amarelos mais que forçados pelo mangala, pelo josué, pelo alex sandro... é que assim nao tem de ir para o Algarve, estágio, viagem, etc! é melhor fazer um churrasquinho e ir pa noite!
Desculpem-me, mas nao consegui ver nada de bom, a nao ser o Ricardo: esforçado, no querer na raça, jogue onde jogar, dá sp tudo! Nao era esse o ADN do FCPorto?

rogério almeida disse...

Os amarelos foram "forçados" para os jogadores limparem esta época e não se correr o risco de chegar à última jornada com 4, levarem o mais que provável 5º e terem que cumprir o jogo de castigo na 1ª jornada da próxima época. Tão simples quanto isso. Quando se quer realmente ganhar algo, criar todas as condições para que tal aconteça, não deixar nenhum pormenor ao acaso, é desta maneira que se tratam as coisas. Infelizmente, esta época, foram raros tais momentos e mais as vezes em que entregamos as balas aos adversários. Esperemos que este último "detalhe" dos cartões seja a demonstração clara que, no Clube, o desejo de "resgate" vai passar de simples retórica para uma de novo gestão competente, activa, com comportamentos e atitudes concretas e visíveis no sentido da reconquista do que é nosso.

Abraço

Lamas disse...

A questão dos amarelos também me pareceu planeada, embora fossem muito cedo... a ideia de, não só limpar para a próxima época, mas também para jogar o último jogo do campeonato...

Quanto ao jogo "fraquinho", pelas razões apresentadas pelo Prata... uma boa entrada na segunda parte e muita classe de Quintero... que para o ano tenha um treinador que o trabalhe e que retire dele tudo o que pode dar... embora tenha de melhorar bastante na parte defensiva... mas também é um facto que ele possui algo que todos os outros não têm...

Taqui disse...

sim hoje mais a frio tb pensei isso dos amarelos, mais na questao de jogarem com o benfica e nao para o ano! Mas admito isso, sim!
Esperamos um defeso mt intenso, a começar pelo treinador.
Alguem sabe daquelas noticias de bastidores, mas com probabilidades altas de se concretizarem?

Abraço

ALBINO disse...

Lampejos do Quintero? O que é preciso fazer mais para demonstrar que tem lugar, de caras, nesta "apagada e triste" equipa. Foram ou não dois passes magistrais dele que abriram caminho para a vitória? Enquanto isso, outros andaram a época toda a fazer disparates, e jogavam sempre. Se não os conhecesse "doutros carnavais", diria que um bom nº de jogadores que actuaram esta época não tinham lugar na equipa que foi tri-campeã. E quando assim é, não há treinador que resista.

Anónimo disse...

Enquanto nós pensamos em Marcos Silva e outros enormes treinadores, o Marselha vai buscar Bielsa. Quando é que decidimos avançar para um assim, a sério?