segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Dá-lhes Vítor!



É uma parvoíce dar mais destaque às declarações finais que ao jogo em si. Mas confesso que foi o que gostei mais ontem. Estou habituado a um Vítor Pereira, ou  com um discurso fraco, ou quando forte, desenquadrado. Não foi o caso. Quanto ao destaque aos lances de arbitragem, não esteve mal. Mas o que tinha de ser dito era que o actual líder, que jogava em casa, não jogou nada! Tinha de ser dito que o mestre da táctica apresenta, como apresentou o ano todo, um futebol sem meio-campo que se salva pela excelente qualidade dos seus finalizadores. Eu, tal como Vítor, não acredito que eles cheguem para equipas com nível de Champions como a nossa. Tinha de ser dito. Gostei!

Quanto ao jogo, não gostei tanto como das declarações de Vítor Pereira. Não que tenha sido mau. Longe disso. Foi uma boa exibição do FCPorto. Não teve aquela maturidade a que nos habituámos nos últimos anos. Com isto quero dizer que o FCPorto, normalmente, joga melhor na Luz, sofre normais calafrios, mas raramente desperdiça uma vantagem no salão de festas. E ontem fizemo-lo por duas vezes. Pouco me interessa jogar melhor se no momento da verdade desperdiçamos o esforço de um jogo inteiro em pequenas desconcentrações. Um bom exemplo é Mangala. Fez um jogo monstruoso, com um golo e com 99% dos minutos irrepreensíveis e sem erros. Pois numa fracção de segundo e numa má decisão isolou o melhor marcador da equipa adversária. Nota-se ainda alguma falta de maturidade que também já tínhamos visto em Paris. Mas quanto a isso, julgo que estamos no bom caminho.

Individualmente, mais vez o Destaco o MVP Mangala. Maicon vai ter muita dificuldade em voltar à equipa. Cheira-me que vai voltar pelo lado direito... Depois temos Fernando e Moutinho, sempre em grande nestes jogos. Os restantes tiveram momentos bons e maus. Gostei também de Defour que tem vindo a jogar muito bem. Destacaria pela negativa o jogo pouco inspirado de Lucho e a ultimamente habitual inutilidade de Varela. Izmaylov teve mesmo de entrar e não se viu. Foi um terror olhar para aquele banco de suplentes antes do jogo. Tanta pobreza...

Dos lances de arbitragem foi tudo dito pelo Vitor. O lance do primeiro fora-de-jogo a Defour e o lance de Maxi são de uma clareza preocupante. Tão preocupante como esta nomeação do João 'pode ser o João' Ferreira...

Para terminar, tenho de referir que normalmente tenho apenas uma foto nos posts que está reservada ao meu destaque nos jogos. No entanto, não resisti a ter aqui esta fantástica foto.


9 comentários:

Anónimo disse...

Tambem acho o Mangala um jogador fantastico, mas o Maicon ainda e o que me da mais tranquilidade...a fasquia esta alta no setor defensivo como sempre, pena que noutros setores nao seja assim,Lucho ja nao da mais, Moutinho e enorme mas nunca sera um criativo puro, falta magia para alimentar esse fantastico jogador que e o jackson martinez...

Mirone disse...

Falta referir a exibição do Alex Sandro. Excelente a conduzir a bola para o ataque e nunca deixou o Salvio criar perigo. Para mim o MVP, apesar do Mangala ter jogado muito e ainda ter mandado uma cabeçada "à preto" no Cardozo.

Destaco a solidez que apresentamos, os escaravelhos não conseguiram praticamente organizar uma jogada de jeito.

Mais uma vez tivemos que gramar com os gritos do Prates (fdp!) nos golos do slb, e com a loucura do repórter de campo.

Lamas disse...

Vou com o Mirone no destaque ao Alex Sandro... que jogador... e também colocaria Moutinho ao barulho na definição dos melhores... Defour correu quilómetros e baralhou os gajos com as diagonais... o fiscal de linha é que não quis que tivesse mais sucesso...

Os vermelhos que faltaram são sem comentários... não havia nada a fazer... só podia sair aquilo...

Do VP gostei particularmente da expressão: "Eles é só chutão para a frente..."

E os casos do jogo tinham de ser bem enfatizados porque senão seriam totalmente branqueados...

Lamas disse...

Faltou falar dos golos sofridos... em ambos penso que podíamos ter feito mais... a bola do Matic parece um golão mas a bola entra quase no meio da baliza... e o segundo é Otamendi que fica mal na fotografia...

miguel87 disse...

O Otamendi tem andado a enganar-se a época toda, mas ontem parece que queria voltar ao normal :)

Além do Mangala e Alex Sandro, acho que o Defour esteve bem e o Varela só pecou na definição dos lances.
O Jackson é uma categoria.

Fizemos grande jogo, impondo o nosso estilo de posse e toque de bola com grande categoria, mas notou-se acima de todo um estouro físico por volta dos 70 minutos e a falta de banco para suprir esse estouro.

A arbitragem foi ao nível da figurinha que já conhecíamos e esteve muito bem o VP ao mencionar o factor Maxi - este gajo com árbitros imparciais não chegava ao fim de 90% dos jogos, é inacreditável como em todos os lances se faz ao jogador e não à bola! Nos primeiros minutos disse que ele só ia levar amarelo aos 89', falhei por 4' e era logo lance para vermelho!

prata disse...

Alex Sandro é tão bom que eu ponho a fasquia mais alta. Por isso não o destaquei.

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

« foi um terror olhar para aquele banco de suplentes antes do jogo. Tanta pobreza... »

pois eu sou um dos que acredita que os putos que estiveram nesse banco de suplentes ainda nos irão dar muitas alegrias. e não será num Futuro próximo, não; penso que será já esta época - casos do Tozé (não engana: é um "novo" Rui Barros) e do Sebá (não é pior do que o Kléber). Falta só o Fábio Martins (um "dez" muito bom), que foi convocado para o jogo da equipa B.

abr@ços
Miguel | Tomo II

Artur disse...

A personalidade deste grande treinador corresponde à grande personalidade que a equipa demonstra em campo.

dragao vila pouca disse...

Só vou dar uma pequena achega, o Mangala depois de ver o árbitro auxiliar na 1ª parte levantar sempre a bandeira...

Abraço