terça-feira, 5 de abril de 2016

Virados para a tribuna



Desde que Lopetegui deixou de ser a raiz de todos os males, os meus colegas de bancada deixaram de virar o seu descontentamento para o treinador e passaram a virar-se para a tribuna presidencial. É certo que Lopetegui também era parte do problema e era uma parte grande. Mas sabemos agora que a solução encontrada foi ainda pior. Tivemos uma aposta num treinador que pouco fez para aqui chegar, que não entusiasma ninguém e, para piorar, tivemos em Janeiro uma revisão 'em baixa' do investimento no plantel. Isso revolta os adeptos! Todos estamos conscientes que devemos pedir mais a uma equipa do FCPorto. Mas fica a dúvida se podemos pedir mais a Peseiro, do que o que pedíamos a Lopetegui, que começou a época, que construiu o plantel e que, exceptuando a comparação entre Suk e Osvaldo, tinha melhor plantel. Por estas razões, até acho que se exigia mais a Lopetegui, mas não consigo ilibar Peseiro por completo. Sempre o defendi aqui. Peseiro, pressionado pela direcção e pela entrevista do Presidente, sentiu que tinha de mudar tudo de uma vez. Foi um revolução que pouco mudou para melhor. A equipa não sai desta espiral de desconfiança e não sairá com Peseiro no banco. 

Por isso é que os sócios se viram para a tribuna. É até curioso perceber que bastam 3 anos de insucesso para que a crítica chega finalmente ao topo da pirâmide, Pinto da Costa. Outrora impoluto, já não se consegue esconder atrás desse mecanismo de protecção que é a SAD.  Normalmente há três degraus de contestação: 
1º - Treinador e jogadores - normalmente o primeiro; 
2º - SAD - o habitual símbolo do 'tachismo' e 'comissionismo';
3º - Presidente - ainda intocável, mas agora passível de crítica.

Notaram como foi rápida a escalada até ao terceiro? Bastaram 3 meses de maus resultados, porque em Dezembro ninguém falava disto. Foi bem mais rápido do que o que se esperava. De facto eu nunca percebi como era possível dissociar a SAD do Presidente. É negar a Pinto da Costa todos os atributos de gestão que lhe reconhecemos. Quantas vezes não ouvimos a expressão de que 'toda a gente mama à volta dele'? Alguém acredita que há alguma decisão que não passe pelo Presidente? E depois este argumento das comissões, do filho e do 'football leaks'. Isto valia 'zero' se a bola estivesse a entrar. Tudo seria normal... Pelo menos estes resultados servem para que se questionem as opções, para que se exija que isto tem de ser gerido como um clube, que tem sócios, e não como uma 'cash cow', que dá dinheiro a toda a gente menos ao clube e à base de sustentação de um clube desportivo e a razão da sua existência, que são os sócios e os adeptos.
 
Quanto ao jogo, poderão ler as crónicas dos jogos anteriores. Nada foi diferente a não ser o facto de a nossa incapacidade para concretizar ter sido ainda pior do que nos jogos anteriores. Direi apenas que Corona foi o que mais batalhou contra o marasmo e que Casillas podia ter feito bem melhor no golo sofrido.

Temos 6 jogos para preparar a final da Taça e 3 meses para preparar a próxima época. Mãos à obra!

9 comentários:

Lamas disse...

Fugindo um bocado ao tema... quero acrescentar que com o FCP neste estado, já não há respeito nenhum por aqueles que vestem de preto e que vêm ao Dragão sem estarem minimamente atemorizados com o facto... eles tapam olhos a gajos a cabecearem a bola completamente encavalitados nas costas dos jogadores do FCP dentro da sua área, eles tapam os olhos a tesouradas inacreditáveis aos nossos jogadores, até a mãos completamente escandalosas dentro da referida área... estes gajos têm-se aproveitado da recente fragilidade do FCP e "brincam" com o nosso clube e saem dos estádio completamente impunes pelos outros fatores que tu mencionas... há que voltar a fazer com que esses senhores tenham respeito quando entram para apitar jogos dentro do NOSSO estádio...

miguel87 disse...

"É negar a Pinto da Costa todos os atributos de gestão que lhe reconhecemos. Quantas vezes não ouvimos a expressão de que 'toda a gente mama à volta dele'? Alguém acredita que há alguma decisão que não passe pelo Presidente?"

Eu depois do que vi e ouvi na AG acredito que, das duas uma: ou as decisões não passam mesmo pelo presidente (por ex. para assinar contractos bastam assinaturas de 2 administradores, esta $AD tinha 5 e recentemente passaram a 7) ou então continuam a passar por ele, mas ele pura e simplesmente já não se chateia nem preocupa com o clube, passou a olhar apenas pelos interesses dele e dos seus.

Se alguem alguem ainda está iludido ou tem dúvidas que seja assim, basta olhar ao facto de hoje em dia esta administração perde muito mais tempo em atacar os Portistas que apontam o que está mal do que a atacar os problemas exteriores que atacam o clube, como exemplificou aqui o Lamas!

Dia 17, já que não há mais nenhuma alternativa, há que ir votar nulo e demonstrar a insatisfação com o trabalho desta direcção.
Aliás, faltam 12 dias para as eleições e não se sabe qual é o programa para o novo mandato da única lista concorrente... é sintomático.

miguel87 disse...

"É certo que Lopetegui também era parte do problema e era uma parte grande."

Sobre o futebol dentro de linhas já falamos demais nos últimos tempos, mas depois de tudo que se tem passado e com os resultados pós-Lopetegui que se conhecem, acho estranho ainda considerares que ele era parte do problema. Quanto a mim, sempre o defendi e tive/tenho a opinião que ele fazia parte da solução (possivel) e nunca do problema!

miguel87 disse...

PS. na zona onde fico, a maior parte dos adeptos ainda está mais virada para o banco e campo do que para a tribuna, mas já se nota uma pequena evolução...
A melhor que ouvi ontem, no meio dos protestos "tira o Brahimi / tira o Aboubakar" foi: "Mete o Antero"

prata disse...

Eu tb acho q, para isto, mais valia estar quieto. Mas na altura pedi e concordei q saísse...

Anónimo disse...

Se Lopetegui não saísse tinhamos ganho ao Borussia 2 vezes, ao Benfica e a todos os que nos aparecessem. Estavamos imparáveis.

António Jorge Paiva Lourenço disse...

Só quero lembrar que com JL se fez o que nunca se tinha feito antes na equipa:
1) Uma revolução de jogadores (quantos entraram e quantos sairam?) num só ano
2) Fizemos pela primeira vez o papel de creche dos Clubes de Espanha; jogadores que foram na sua quase totalidade (depois da creche...) devolvidos à procedência no segjndo ano.
É claro que a acrescentar ao ponto 2 temos os jogadores vendidos no ano passado.

Ah sim e já agora: Os treinadores despedem-se, mas os jogadores por ele avalizados não...pois é... e depois dá nisto. Quantos titulares perdemos do ano passado para este? Façam as contas e tirem conclusões! É fácil malta...
O JL deu cabo da equipa. A mudança radical foi uma jogada de alto risco, que sendo de alto risco tinha grande risco de correr mal... e correu...

É no entanto óbvio que ele era só o treinador... pelo que fez, pelo que não fez, e porque o puseram cá ( não caiu de para-quedas que eu saiba) a culpa é da Direcção, e como tal de Pinto da Costa!!!

Agora: Quando é que será que alguém vem assumir responsabilidades pela porcaria que foi feita, em vez de assobiarem para o lado?

Pispis disse...

Lopetegui n tinha condições para continuar pelo poder q deram aos Super e por todo o ambiente q criaram à volta da equipa... Logo nos 'palhaços joguem à bola em Aveiro contra o Tondela', em casa contra o Rio Ave e tantos jogos de ambiente de mrd a condicionar a equipa e as opções da direção... Agora os Super estão calados e nem me admira nada q qq dia ainda invadem a central para arrear naqueles q contestam a Tribuna...

Eu só gostava q me explicassem cm se vai buscar o Marega e o José Sá, só isto... Eu nem peço para explicarem comissões, negociatas, Suk's ou Maicon's, só queria ter acesso ao relatório c as razoes q defendem a contratação daqueles 2 jogadores... Para já, só queria saber isso :-)

Anónimo disse...

Vai-se buscar Suk's e Marega's, porque a eficácia de Aboubakar e Corona é a que se tem visto. José Sá também se justifica, pelas brilhantes exibições de Casillas e pela Carbonero não gostar muito da vida social da cidade.
Loptegui não tinha condições para continuar, porque lhe deram poder ilimitado e ganhou zero, só tinha ilusion e adversários "dificilíssimos".