quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Crónica do resumo resumido



Foi o adeus à Europa. E com uma goleada sofrida. Diz o Vitor Pereira que o resultado foi extremamente injusto. Até pode ser. Mas a goleada pode não espelhar o que se passou ontem em campo mas premeia a nossa fraquíssima época europeia. Isto pondo de parte o facto de os regulamentos permitirem que uma equipa que é cabeça de serie no sorteio da Champions não o seja nos desasseisavos de final da Liga Europa. Pouco interessa. A nossa época europeia foi um desastre e despedimo-nos com um resultado desastroso e que não se coaduna com o que o FCPorto representa hoje em dia em termos Europeus, nomeadamente como o único representante nacional que mantém estaleca para se bater consistentemente nestas competições.


Não me poderei alongar quanto ao jogo. Estes horários são impraticáveis. Vi um resumo bastante curto. E pelo que vi o City podia ter marcado mais. Vi alguns lances, sempre menos perigosos, do FCPorto, mas não chegam para que eu possa acreditar na vitória moral que o Vitor Pereira e os jogadores que falaram, nos querem vender. Não posso acreditar que uma equipa que marca 4 golos e falha mais 3 de baliza aberta não mereça vencer um jogo. O futebol são golos e não posse de bola em terrenos avançados. O City não tinha nenhuma obrigação de pegar no jogo, sobretudo depois de ter aproveitado aos 20 segundos um oferta de Otamendi. Estes discursos de Vitor Pereira, estas desculpas, irritam-me e são o que mais detesto neste treinador. Nem são as opções estapafúrdias, a falta de jogo de banco. Desejo-lhe muita sorte até ao final da época. É o que nos vai valer. Pelo que tenho visto, Lucho trouxe mais oxigénio ao futebol da equipa, mas será que isso chega? Temo que não, mas ainda acredito nos jogadores do FCPorto. Só nos jogadores!

8 comentários:

Lamas disse...

Eu gostei da atitude... é sempre a primeira coisa que destaco ou critico... e atitude eles tiveram... Moutinho fez um jogão...

As declarações do VP não fazem sentido... "só nós é que mostramos que queríamos ganhar o jogo" ou algo similar é como atirar areia para os olhos... o FCP jogou bem e dominou a partida porque as condicionantes assim levaram a que isso acontecesse... o City fez o seu jogo e foi perigosíssimo sempre que o FCP falhou um passe...

Para mim do jogo fica a atitude da equipa que me reacende a esperança para o jogo da Luz... com atitude e "cabeça fria" ainda acredito num campeonato que há muito pensava que estava perdido...

Baresi disse...

Destaco a atitude dos jogadores e as habituais más opções do VPereira (perdemos um bom lateral - Sapunaru e ganhamos um mau central, ou pelo menos em má forma - Otamendi).

Sem mais comentários.

riskolas disse...

Eu vi o jogo à noite e, muito francamente, o que vi foi um treino puxado do Shitty.

Eles estavam em vantagem e entraram a marcar, aos 15'', quando a bola saiu nossa!!!!

Depois, recuaram, deixaram-nos trocar a bola e só me lembro de duas oportunidades. Uma clara pelo Varela e uma eventual pelo Otamendi.

Vi, também, o shitty, sempre que acelerava, a fazer estragos.

Honestamente, acho que, neste momento, somos muito inferiores ao shitty. Fisicamente, então, nem se compara. Parecemos juniores.

Foi mais uma goleada em Inglaterra e, diga-se em abono da verdade, se formos frios reconhecemos que não foi nada de inesperado.

Este treinador não é o culpado de tudo mas é culpado de muita coisa, sobretudo, da desvalorização gritante do plantel e da desmotivação geral. O Kléber deve andar super motivado. Com Janko senta o rabo. Sem Janko, senta o rabo. Ou seja, não conta.

A melhor dupla, actualmente, de centrais é Mangala/Maicon.

O Sapunaru tinha de ser titular!

Enfim.

Só uma nota ao ambiente bem disposto do PdC e RT com o AVB. Foi feio. Passou-se a ideia de que o André é que nos abandonou mas, cada vez mais, acredito que, além de ele querer ir, foi PdC que o quis vender!

O que vale é que o fifica não joga uma côdea e no circo o Janko joga.

Quem diria...

miguel87 disse...

Só é pena que o pontapé do Maicon no focinho do Otamendi não tenha sido no aquecimento! Ao menos tínhamos entrado em jogo com uma desvantagem de 2 em vez de 3 golos...

Mas esta época é realmente para esquecer! Basta ver que os 6 golos sofridos nesta eliminatória nasceram todos de erros dos jogadores do Porto!

Artur disse...

A contrário do que aconteceu na semana passada, este jogo deixou-me triste pelo resultado injusto mas também orgulhoso pela qualidade de jogo, coragem e atitude dos jogadores. Não me lembro de ter visto nenhuma equipa nos últimos anos ir ao campo do City e ter 69% de posse de bola e 23 remates e com um jogador expulso. O resultado foi uma consequência da desvantagem que já levavamos. Aliás, um jornal espanhol de renome disse tudo na sua manchete: "O City enganou o Futebol". Parece que ficou tudo dito.

prata disse...

João "pode ser o João" Ferreira, vai apitar-nos no Dragão. Isso significa que não nos vai apitar na Luz. Bruno Paixão também não deve ser, Xistra idem. Cheira a Pedro Proença...

Daniel disse...

Ridículo resultado e exibição.

Mais ridículo e vergonhoso foi ver quem nos deixou no início de época ao lado de quem gere os destinos do nosso futebol. Existem limites!

Temos um campeonato para ganhar, não precisamos de dar tiros nos pés!

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

@ Prata

« Desejo-lhe muita sorte até ao final da época. É o que nos vai valer »

e mesmo essa, a Fortuna, já teve melhores dias.

somos Porto!, car@go!
«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todos vós! ;)

Miguel | Tomo II