terça-feira, 14 de abril de 2009

Que hoje o fim seja outro...

Em dia que as emoções estão ao rubro, os vídeos made in basculação recordam-nos uma vitória do FCP em Génova, no campo da então poderossíssima Sampdoria... Estamos na época 1994/95 sob o comando de Bobby Robson e na primeira mão dos Quartos-de-Final da Taça das Taças o FCP dá um passe importantíssimo para seguir em frente na competição com uma vitória por uma bola a zero...

Depois, nas Antas... Lombardo e Latapy foram as figuras... o primeiro por dar o golo aos italianos que igualou a eliminatória... e o segundo, e actual seleccionador da Trinidad e Tobago por falhar o penalty que sentenciou a amarga eliminatória do FCP de uma competição que parecíamos estar tão perto de ganhar...

Esperemos que hoje a história seja outra...

Aqui fica a recordação da semana...



Notas...

- Curiosamente, Lombardo e Latapy são precisamente as duas primeiras figuras que aparecem no vídeo...

- Outro golo que muito vibrei...

- O jogo da segunda mão foi uma das principais desilusões que vivi nas Antas...

7 comentários:

riskolas disse...

Não nos esqueçamos que fomos roubadinhos nas Antas.
Anularam-nos um golo limpo!
Na marcação de um canto, supostamente, a bola saiu...

Tenho medo, muito medo, da arbitragem amanhã...

Pispis disse...

Se a incerteza na eliminatória for cm o jogo de ontem não vai haver coração q resista :-)

Neste jogo em Itália, se bem me recordo, Emerson fez um jogaço...

A não perder as declarações de Lucho sobre CR7 :-)

prata disse...

O jogo da segunda mão ouvi pela rádio. Já não me lembro porquê. A verdade é que penaltis pela rádio é qq coisa que não recomendo. Não esquecer que esta era das 3 melhores equipas italianas da altura com vários internacionais italianos como Lombardo e Mancini e lembro que tinha também dois ou três jugoslavos muito bons, Mihailovic e o seu pé esquerdo portentoso e e não sei se Jugovic já lá jogava.

Achei piada ao facto de Rui Barros só com o redes pela frente se lembrar de passar para trás. Pouca confiança ou confiança a mais?

Para logo, e depois do claro aviso dado pela Uefa com o castigo a Jesualdo, conto com uma arbitragem horrível. Mesmo assim estou confiante.

miguel87 disse...

Na 2ª mão estava na superior sul e depois do falhanço do Latapy nem conseguia falar... Tinha sido um jogaço em Genoa na 1ª mão, mas depois nas antas os gajos engataram um jogo á italiana e lixaram-nos. Tinham na baliza um dos meus redes favoritos na altura (além do Baia): Walter Zenga.

Para logo vai ser sofrer á brava. Além da tremenda pressão do manchester poderemos certamente contar com algumas habilidades habituias nestar alturas do homem do apito, como aliás já aconteceu em Old Trafford...

Daniel disse...

Sim pessoal tambem la estive com o meu Pai na Arquibancada...! Foi um grande jogo. Os italianos treinados pelo Erikson estiveram muito bem, mas nos falhamos muito golo antes do golo deles, principalmente o Yuran. Devia ter os meus 14 anos... fui a chorar ate casa. Mas hoje acredito que a historia sera diferente. CORAGEM PORTO!

Anónimo disse...

Também saí das Antas a chamar todos os nomes possíveis e imaginários ao B. Robson, por ter sido medroso, calculista, por não ter jogado à Porto. O Amorim aturou-me até casa. Decepção profunda. Espero que hoje Jesualdo não caia no mesmo erro. É a jogar à Porto que nós os vencemos.

Pispis disse...

E o fim foi o mesmo...