quinta-feira, 9 de abril de 2009

Ecos de Manchester...

Os basculantes não estiveram, mas o Tony Silva (F. Rego), como avisou no blogue, teve o privilégio de ter estado lá e traz-nos a reportagem fotográfica... e também a experiência na 1ª pessoa de quem viu uma das melhores exibições do nosso Porto além-fronteiras:

Caros Portistas,

Hoje a pedido de algumas famílias (a do Pis é numerosa) faço o meu 1º post neste excelente blog de debate futebolistico, em virtude claro, da minha viagem bem sucedida ao "teatro dos sonhos".

Conforme tinha colocado num comentário a um “post” anterior, confirmou-se a minha ida a Manchester para apoiar incondicionalmente o nosso Grandioso Clube e após a demonstração de categoria dos nossos jogadores, as minhas expectativas não saíram defraudadas até porque e podem questionar o PisPis, a minha confiança e certeza numa grande exibição era enorme.

Até vos posso dizer que no avião (partida de Pedras Rubras às 5h30m!!! - sacrifício rumo à glória) transmiti a um camarada mais céptico, que o nosso Grandioso Clube não iria perder, bem como, marcaria golos na partida. Já agora, aquando do regresso esse mesmo camarada, cumprimentou-me efusivamente, agradecendo a transmissão de confiança.

Fazendo desde já um pequeno resumo das primeiras impressões do ambiente na cidade, posso dizer que os adeptos do Man United, tinham-nos em boa “linha de conta” e não estavam tão confiantes como o Sir Alex. Mais, para desencantar cerveja nesta cidade, tivemos de nos deslocar até à parte “pertencente” (Picadilly) aos adeptos do Man City, e estes então estavam cheios de confiança que iríamos causar surpresa no atrofiado a que chamam “teatro dos sonhos”.

Quando falo em atrofiado, quero dizer que é um estádio para pessoas até 70Kg/75Kg e no máximo 1,75m de altura, onde tem de ser ver o jogo em pé pois não cabemos nos lugares e a entrada nas bancadas é feita por portas em que quase fui obrigado a entrar de lado (eu não sou gordo). Assim percebi como cabem 77.000 almas naquele estádio, sem qualquer limitação colocada pela UEFA, ao contrário do que acontece no nosso estádio.

Quanto à presença dos adeptos, estávamos no limite da área que nos foi adestrita onde pontificavam alguns fervorosos adeptos do City, que estavam precisamente em meu redor e sempre prontos a dirigir algumas palavras “calorosas” aos adeptos contrários. Falando do que mais nos interessa, isto é, do apoio dado pela claque SuperDragões que integrava os cerca de 3.000 Portistas (todos nós nesse dia fomos Super), entre senhoras, crianças, idosos e restante malta, ninguém se calou 1m, chegando em largos períodos (penso que foi audível) a silenciar os 70 e tal mil "bifes" e "febras" (mto boas por sinal).

O que me fica desde logo para a posteridade é a maneira como foi festejado o 2ºgolo, isto é,
- Pessoas a voarem literalmente sobre as cadeiras - Pessoas a voarem em direcção aos elementos da segurança no intuito de chegarem aos ingleses - filhas a abanarem os pais ao ponto de ficarem sem os óculos e cairem por cima de cadeiras - eu posso dizer que terei agarrado/empurrado/abraçado cerca de 10 a 15 pessoas que não conheço.

Eu sou daqueles que faz de cada jogo do nosso Grandioso Clube, uma enorme festa (o Pis não me deixa mentir), mas a explosão de alegria pela reposição de alguma justiça no marcador, é algo que nunca irei esqueçer e que valeram os €440,00 que desembolsei.

Para terminar até porque o post já vai longo, apelo a todos os Portistas para que no Dragão apoiem a equipa, nos bons e maus momentos, tal como foi feito Old Trafford, pois penso que esta poderá ser uma caminhada para mais uma final da Champions, caso se consiga manter este nível exibicional. E como diz o nosso Presidente as finais não se jogam ... Ganham-se!!

Para terminar mesmo, sou obrigado a destacar o portentoso jogo efectuado pelo FERNANDO.

Força Porto!!! Toni Silva - F.Rego


O azul andou por lá... nos cafés...


... nas ruas...
... e até com a bófia inglesa!

Acompanharam a chegada dos nossos heróis ao teatro dos sonhos...



Tommy, ainda com o nariz no sítio...


Mesmo vazio, deve arrepiar...


O pormenor de 4 balizas no aquecimento das equipas (2 para cada)...

A nossa gente...

Agora já composto a breves instantes do apito inicial...

Tal como em Madrid, só faltou a justa vitória...

10 comentários:

riskolas disse...

inveja... muita inveja...

prata disse...

Realmente... Ver aquele bailinho da primeira parte ao vivo num estádio daqueles...

As reportagens de Londres e de Roma estarão a meu cargo... LOL

Pispis disse...

Ainda acredito no Villareal...

Reparem cm me fez notar um colega meu do trabalho: em 2004 apanhamos 3 ekipas francesas (Marselha nos grupos, Lyon nos 4º e Mónaco na final; n esquecer a ekipa espanhola nas meias: Depor); em 2009 vamos apanhar 3 ekipas inglesas (Arsenal nos grupos, United nos 4º e Chelsea na final; n esquecer Villareal nas meias)...

O 2-2 em Lyon e agora tb em Manchester n é só coincidência :-)

Tony, aguardo um texto a contar a tua experiência em Manchester para juntar às fotos!

Pedro disse...

Só pra dizer que o colega do trabalho do Pis que fez a premonição até à final c'est moi! Desde já anuncio que na final estarei disponível para abraços e autógrafos :)

Miranda

Pispis disse...

Grande Miranda, só acrescentei a parte da meia-final c a ekipa espanhola :-)

(à hora q escreveste o comment n devias estar a perder dinheiro no poker?) :-)

António, belíssimo post, imagino-te a fazer isso e mt mais, ou pensas q me esqueço da final da Taça contra o Setúbal? :-) Se no Jamor c uma exibição ranhosa foram os saltos q foram, imagino em Old Trafford! :-)

TRSM86 disse...

Correio da Manhã, Jornal de Negócios, Record, Automotor, Máxima, Pcguia, Rotas e destinos e Semana informatica devem ser excluídos por todos aqueles portistas que os consomem.

Anónimo disse...

A excepção que vê
Publicado por CAA em 10 Abril, 2009

«É realmente preciso que a “clubite” se alie ao atraso mental, para não reconhecer que o F. C. Porto merece estar entre as quatro melhores equipas da Europa. E que deve ser, com o Barcelona, um dos dois clubes do Mundo com melhor futebol na actualidade. Para além disso, o F. C. Porto tem dignificado a imagem de Portugal, é um produto internacional de prestígio e uma marca sólida. Cresceu sempre com os pés assentes na terra, e merece homenagem. Tudo o resto é desconversa. Sou benfiquista, mas não sou cego.», por Nuno Rogeiro, hoje, no JN

in Blasfemias

Lamas disse...

Tony, a descrição dos festejos do segundo golo é arrepiante... e apetece-me dizer, com muito carinho, que és um CBR :), porque estiveste lá e eu não...

Estou com receio para o Dragão... já tivemos experiências similares à uns anos atrás com o Bayern e com a Samp, depois de um excelente resultante fora... mas, sem dúvida, que tivemos uma exibição sublime em Manchester... a atitude, encarar o jogo olhos nos olhos com o adversário, ver o Manchester a submeter-se ao nosso poderio e, ver isso ao vivo, era algo que dava muito mais que 440 euros por isso...

Estar em Madrid foi fantástico, estar em Manchester deve ter sido quase surreal...

Prata, mas já compraste as viagens? Era melhor ires pela Cosmos...

Pis, não devias estar antes a chorar?

Tony, simplesmente, em grande...

Fiquei surpreendido com a parte do estádio ser uma mrd... é um dos que terei, obviamente, de visitar... de preferência da forma que o fizeste...

Anónimo disse...

Mourinho: «Manchester pode ganhar ao FC Porto»
TÉCNICO PORTUGUÊS ELOGIA FERGUSON E COMPANHIA



José Mourinho, técnico do Inter Milão, acredita que o Manchester United pode ganhar ao FC Porto, no Dragão, na segunda mão dos quartos-de-final da Liga dos Campeões, embora tenha apenas empatado (2-2) em Old Trafford.

Os red devils têm um grande desafio pela frente pois nunca nenhuma equipa inglesa ganhou no Porto, no entanto Mourinho diz que Alex Ferguson é um especialista em bater recordes.

"Quantas vezes é que o United já quebrou recordes? Alex Ferguson é um especialista nisso e a sua equipa tem a qualidade necessária para ganhar em qualquer sitio do mundo", elogiou.

O técnico português continuou afirmando que o FC Porto tem uma grande equipa e fechou com um aviso aos azuis e brancos: "Wayne Rooney é uma ameaça que o FC Porto tem que conter. Ele joga sem medo."



Data: Domingo, 12 Abril de 2009 -
In Record

prata disse...

Também me disseram que o estádio do chelsea é assim. Com pouco espaço e com bancada a pique.