quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Vitória QB com dedicatória


Lucho jogou e marcou no dia em que perdeu o pai. Aquela braçadeira assenta-lhe como uma luva! Grande homem! Lucho acabou mesmo por ser a trave mestra desta vitória. Reparem que todo o nosso jogo primou pela paciência e pelo bom posicionamento, que permitiram ganhar imensas bolas no meio-campo adversário. Tudo características que Lucho traz ao jogo habitualmente e que a equipa ontem apresentou e que permitiiu que tivessemos inumeras oportunidades de golo para desperdiçar. Óbvio que o adversário não nos proporcionou aquela dificuldade 'Champions League', mas convém relembrar que, no ano passado, perante uma equipa pouco melhor que esta sofremos. Isso só valoriza este arranque com três pontos num jogo fora de casa. Isto além daqueles 10 minutos em que perdemos o controlo do jogo e onde poderíamos ter sofrido injustamente o empate. Empolgadas, estas equipas podem ser perigosas e é perfeitamente possível que os nossos adversários lá percam pontos. Em suma, resultado escasso, mesmo tendo em conta a exibição QB.

Individualmente destacarei pela positiva Lucho, para mim o MVP. Traz inteligência ao jogo e parece que está com um fulgor físico nada condizente com a idade. Depois temos Alex Sandro. A tendência de James flectir para o meio acaba por lhe dar todo o corredor para explorar. Tem feito este papel na perfeição e é para mim um dos grandes destaques da equipa neste arranque. Terá de se concentrar mais defensivamente nomeadamente nos passes nas suas costas. Isto apesar de não ter ainda sofrido grandes calafrios. Por último, destacaria Defour que, pela primeira vez este ano fez uma boa exibição no lugar de Fernando. O golo acabou por ser a cerejinha no topo, mas foi no posicionamento defensivo e na saída de bola que ele se destacou. Lembro-me ainda de uma grande abertura para Varela, coisa que Fernando simplesmente não faz. Dos restantes destacaria apenas Helton que teve ali uma fase de mais trabalho. Pela negativa, Jackson. Não se pode falhar coisas daquelas. Além disso, toda a bola que lhe batia nos pés e na cabeça saltava para longe. Exibição um pouco desastrada.

Venha daí o campeonato que já estamos com saudades. Inadmissível, termos 15 dias sem campeonato nesta altura. Adepto sofre em Portugal! Já não nos chega estes azares de termos de levar com comentários do João Querido Manha em jogos da Champions?

9 comentários:

Lamas disse...

Os meus destaques também vão para Lucho (por tudo)... Alex Sandro, que promete... e Defour que correu muito e coroou a exibição com o golo e mais um sprint aos 90 minutos...

Quanto à TVI, é simplesmente inadmissível, durante o jogo todo não terem feito qualquer referência ao falecimento do pai de Lucho (eles não são profissionais? não é aquela a vida deles e que se calhar muitos de nós queria ter? era uma informação básica que tinham de dar), terem trocado em 50% das vezes os nomes dos jogadores do Porto e depois, o já habitual desprezo pelos feitos e exibições do FCP... o Porto jogou de facto qb, mas controlou o jogo... e o falhanço clamoroso do Jackson é também um penalty escandaloso e uma expulsão inacreditável que ficaram por marcar que simplesmente não foi alvo de qualquer comentário de quem nos estava a "trazer" o jogo... mas nada de novo...

prata disse...

Sim. Faltou dizer que foi penalti, mas ele teve tempo para evitá-lo...

Lamas disse...

sim, mas o comentário era para os gajos da TVI... num jogo de campeonato nacional com outros intervenientes repetiriam mil vezes que tinha ficado um penalty por marcar e uma expulsão...

Além disso, eu estava a ver o FCP, não estava a ver o Real... chegaram ao ponto de dizer que o Real pelo que estava a fazer não merecia estar a perder... mas afinal que jogo é que estavam a ver??? fdx...

Pispis disse...

O que o Lamas diz é bem verdade! Eu achei estranho o Helton atravessar o campo para festejar o golo (na altura até pensei q era para dar moral ao Jackson) e o Defour dedicar o golo ao Lucho. Ainda por cima as declarações no final eram todas a dar moral ao Lucho, só mais tarde é q soube a notícia… Eu até tenho uma certa simpatia pelo Fernando Correia pk, coitado, é velhote/sportinguista/gordinho, ou seja, tem tudo para uma pessoa até simpatizar com a figura mas, fdx, chamar Jackson ao Lucho?!?! Enganar-se 1000x nos jogadores do Porto? Já no Udinese-Braga tinha sido uma vergonha… Neste jogo há ainda q destacar uma coisa, o Porto a ganhar 1-0, perto do final, e os gajos festejam o golo do Real c mais entusiasmo do q qq golo do Porto… Enfim, estamos habituados.

Gostei mt da exibição do Porto, os laterais fizeram a diferença criando inúmeras situações junto à linha de fundo q n soubemos aproveitar… Jackson horrível mas Kléber faz o favor de lhe facilitar a vida com uma perdida escandalosa… Sem Hulk e sem Fernando, os dois esteios da época passada, grande resposta!

Anónimo disse...

Entretanto Hulk começa a sentir o sabor de jogar num protento Europeu como é o Zenit , outras se seguirão a provar que o dinheiro é apenas uma parte da vida, um dia ainda há-de dizer : " aquilo sim era um clube que valia a pena".
Quanto os comentários de João Querido Manha percebeu-se a raiva deste pela inoperância do Dinamo Zagreb...como ele estava a puxar contra o FC Porto a circunstância de estes falharem passes provocava-lhe irritação...é lixado ser Benfiquista e não conseguir disfarçar na profissão de Jornalista...peça conselhos ao Gobern...se perder o emprego pergunte-lhe como é que conseguiu ser reabilitado na RTP...ele saberá como foi.

prata disse...

Anónimo, começa a pôr a hipotese de estes jogadores que saem para equipas menores serem muito pressionados a fazê-lo pelo FCPorto, pelos empresários e pelos outros detentores dos seus passes. Não são só os salários que os empurram para os Zenits e para os Atléticos...

Artur disse...

Gosto mto de equipas sempre bem posicionadas, sempre a criar linhas de passe e com grande circulação de bola. Deve dar muito trabalho e exigir treinos mto eficientes.

prata disse...

Artur praticando a ironia... Medo!

MPSV disse...

"Adoro" as perguntas que fazem logo no fim dos jogos.E depois descrevem as respostas dadas pelos treinadores e jogadores, mesmo que eles falem português - então a gente já não percebeu o que eles disseram -rídiculo. Aconselho,a quem puder, a visitar a Croácia - è lindo.