segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Falta de chama


Já não há Lopetegui. Quem deveremos culpar? Rui Barros? Não me parece justo. Tudo o que fez foi nada mudar. E fez bem porque estava apenas interinamente no lugar. A quem está a prazo, exige-se um 'governo de gestão' e isso Rui Barros fez bem. Eu tenho problemas com a opção por Danilo mas reconheço que não tem sido por aí que o FCPorto tem jogado pior. Ontem até acho que as substituições foram todas atempadas e acertadas embora sem grandes resultados. 

Ilibando Rui Barros sobram dois culpados: Jogadores e Direcção. Começando pelos jogadores, é inacreditável a falta de chama e de garra que demonstramos. Esta decepção que não vemos na cara de André André, não vemos na cara da maior parte dos jogadores com a cara destapada. A forma como não se parte para cima do árbitro depois daquela incrível expulsão de Aboubakar diz tudo. Os próprios comentadores não se aperceberam da expulsão pela ausência de reacção do jogador. Como se fosse normal! Mas é assim. O dinheiro cai na conta no final do mês e, no final da época, o empresário que os colocou cá coloca-os facilmente noutro lado a ganhar mais. É assim o futebol actual. Por isso é que o André André e o Ruben Neves são casos tão raros que combinam talento e portismo. Por isso é que são os preferidos dos adeptos. Têm personalidade!

Quanto à direcção, acho que escolheram uma má semana para tirar férias... Mais a sério, não se percebe esta indefinição. Dá a ideia que os flops estão todos a desertar. A Osvaldo seguir-se-ão Tello e Imbula. A entrada mais premente era a de um concorrente para Aboubakar, que saiu de Setúbal uma semana antes de entrar no FCPorto. Entretanto esteve de férias na cidade do Porto. Porquê? Não se sabe. Apenas se sabe que não há acordo com o treinador que saiu, que Rui Barros é interino e que, para fazer parte da lista de treinadores pretendidos, basta estar indisponível e com contrato com outro clube... De facto, Lopetegui era apenas parte do problema.

Quanto ao jogo, há de facto um erro inacreditável de Casillas aos 3 minutos. Erro muito menos grave que o de Rui Patrício no jogo deste fim-de-semana. A diferença está na reacção da equipa. Os nossos adversários têm demonstrado capacidade de reacção. Nós... Lá vamos inventando umas jogadas de vez em quando. Dá para criar a ilusão de que o resultado até é injusto. Mas exige-se muito mais! O golo sofrido tem de ser o 'click' para a equipa despertar para o jogo. Estávamos com possibilidade de ficar a depender dos nossos jogos para sermos campeões. Acabámos com os adeptos mais deprimidos ainda. 

Individualmente poderia destacar Danilo, André, Layun e Brahimi e a entrada de Varela. Mas ainda assim, foram exibições medianas e insuficientes. Pela negativa, Casillas e sobretudo Aboubakar que vai piorando a cada jogo que passa e a equipa está a sofre muito com isso.

Acorda FCPorto!

4 comentários:

Helder Oliveira disse...

neste momento o que o PORTO precisa é de um treinador que diga ao brahimi"outro rodopio e vens para o banco,herrera outro passe errado e vens para o banco, casillhas mais um frango e encostas"que eu sai ba foi o que o outro fez com o cissoko,ou so vale para aqueles que nao estao na porta de saida para mais comissoes aos ilustres SADeiros.cump

Lamas disse...

Gostei da análise/comparação do "enterro" de Casillas/Patrício... de facto, medindo bem, o do Patrício foi mt pior... e na mesma sequência o falhanço do Aboubakar na segunda parte, também ele, muito similar ao enterro de "Casillas", se quisermos comparar...

Enfatizo também a cena da expulsão... a aberração da expulsão é tão grande como a forma de "normalidade" que a mesma é encarada e, logo em primeiro lugar, pelo próprio Aboubakar...

Que cheguem rapidamente as novidades para vermos se ainda chegamos lá...

Anónimo disse...


Aquilo pelo que o jogador André André chora é pelo MEU, O TEU, O NOSSO FCPORTO.
Parabéns aos génios da Sad que com as contratações de Lopetegui o ilusionista portista, Casillas o frangillas, Imbula o embrulha, Pablo Osvaldo o modelo, Adrian Lopez esse grande artilheiro, Cissoko e muitos outros, transformaram o DRAGÃO, no clube regional dos anos 60. Com estas inteligências estruturais a mandar, até podia vir o Sr. Pedroto, que se perdia tudo. Se têm vergonha demitam-se, se não têm, DEMITAM-SE NA MESMA.

Luís (O do Nuno Espírito Santo, Pedro Martins, ou Lito Vidigal)

Anónimo disse...

Como pode um avancado saber o que fazer, quando se movimentar e para onde, quando nenhum dos extremos esta particularmente interessado em assistir? Brahimi perde tempo, Corona normalmente toma melhores decisoes, mas neste jogo foi terrivel e Rui Barros tomou a excelente decisao de o substituir.
Tanto se falou no Sergio Conceicao e dei por mim a pensar em extremos como ele, Capucho, Drulovic, Quaresma etc. Como pode um avancado brilhar e fazer golos com colegas assim?
Nao digo que Abubakar e um goleador nato, mas com estes dois extremos a tomar decisoes assim, nem Jardel, nem Falcao, etc teriam hipoteses.
Hoje mesmo li que Ibrahimovic fala da importancia de ter jogadores como Di Maria a fazer assistencias, mas se os criativos do porto perdem tempo a rodopiar sobre si proprios entao nao ha timings, nao ha decisoes coletivas apropriadas.
O meio campo do Porto com estes tres e sem duvida a melhor opcao e esta muito melhor desde a saida do Basco, com movimentacoes agressivas do Andre e do Herrera a criar espacos, mas a tomada de decisao de quem tem a bola tem que melhorar MUITO. Este processo demora tempo...
Ainda vamos a tempo de contratar um def central dextro (Andre Pinto, Neto?) para que o Indi jogue sobre a esq.
Por favor, o Tello que leve o Marcano com ele!!