segunda-feira, 13 de maio de 2013

Três saborosos pontinhos



Nem parece, mas não ganhámos nada mais que isso. Mas estamos numa posição priviligiada! Quem, há uma semana atrás, diria que estaríamos nesta situação? Importante não ter deixado de acreditar. Já o havia destacado aqui. Outro clube já teria sucumbido há muito. Por entre as capeladas, os penaltis falhados, as lesões em jogadores importante, o aproximar do final campeonato parecia trazer a fatalidade do insucesso. Parecia...  Por estas e por outras coisas é que o FCPorto é diferente!

O jogo correu pior do o que eu pensava. Há muito que aqui venho defendendo que o visitante não joga nada. Que o nosso, por vezes sonolento, futebol era bastante superior ao 'pontapé-prá-frente' e ao futebol sem meio-campo que se pratica na Luz. Como tal, julgava eu que essa diferença se iria notar no jogo de Sábado. Enganei-me. Não contava que tivéssemos as mesmas dificuldades que tivemos no jogo com a Olhanense. Também não contava que o visitante jogasse da mesma forma... Estava à espera que a sua habitual sobranceria não lhes permitisse vir jogar ao Dragão para o pontinho e com a táctica do autocarro e da perda de tempo. Pois Jesus percebeu, e bem, que essa é uma táctica que nos tem causado dificuldades e foi o futebol que apresentou. Em termos de estratégia, não me choca. O empate bastava. Mas esperava mais do clube mais grande cá do império e dos territórios ultramarinos...

Entrámos bem no jogo. Estávamos com o controlo das operações até que um lançamento lateral e um golo às três tabelas veio complicar as coisas. Aí foi muito importante a reacção dos adeptos e da equipa. Chegámos facilmente ao empate e isso deixou-nos de novo na crista da onda. O problema é que tínhamos pela frente um adversário bem posicionado defensivamente e que raramente saiu com muita gente para o ataque. Apenas fomos conseguindo perigo através dos lances de Varela e dos laterais porque, pelo meio, não passava nada. E assim se foi arrastando o jogo. Isto até ao momento em entrámos no campo do paranormal. Não é todos os dias que vemos um jogo desta importância resolvido por uma tabela entre um jogador de 35 anos com 23% de incapacidade e um moicano do Paraná com 19 anos! Que golaço! Explosão no Dragão! Razão tem Vitor Pereira: houve sorte, mas só uma equipa fez por merecê-la.

Individualmente, destaco Otamendi, Fernando e Varela. Os outros também estiveram bem. A rara excepção foi Jackson que não teve um jogo muito feliz. No banco, Vitor Pereira mexeu bem. Deixou a melhor equipa em campo até ao limite o que me pareceu bem, face às opções que tinha no banco.

Quanto à exibição de Pedro Proença, direi que a pressão do clube que conta com ele como associado teve efeito. Por sorte, não houve qualquer hipótese de se decidir o jogo nas áreas. A quantidade de faltas que os visitantes conseguiram em torno da nossa grande-área é bizarra se olharmos para a mínima quantidade de futebol ofensivo que apresentaram...

Na próxima semana o desafio volta a ser de dificuldade máxima. Ainda temos presente o que uma equipa descomplexada como o Estoril é capaz de fazer a um clube com a pressão de vencer. Mas o FCPorto é diferente... Somos Porto!

12 comentários:

Lamas disse...

Eles tinham a motivação de vir ao Dragão ser campeões e optaram pelo anti-jogo puro em busca do pontinho e quiça, num tiro de sorte, serem campeões...

Mereceram perder da forma que perderam... só faltou o golo ser irregular... mas não, foi limpinho, limpinho, limpinho... o tiro de sorte foi para o Kelvin e uma explosão de euforia no Dragão nunca vista... pelo menos daquela forma... nunca tinha ficado no Dragão pós-jogo unicamente a usufruir daquele momento... foi bom demais...

Lamas disse...

Mas nada ganho... e o facto de eles estarem sem pressão pode ser pior para nós...

Salgas disse...

Foi impressionante e mais do que merecido. Desde o primeiro minuto a fazer anti jogo e só aos 80 e tal minutos e que levam um amarelo... O Porto não jogou muito mas contra uma equipa que joga como fosse último classificado e não primeiro (segundo depois do jogo) tivemos muita dificuldade.
Melhor em campo, de longe, Otamendi!

riskolas disse...

A vitória do porto era estatisticamente altamente provável
mas a forma nunca foi sequer sonhada!!!

Vi o jogo sozinho com os meus filhos.

Na segunda parte, o pequeno dormia e a miúda via bonecos no iPad.

Qd o PORTO marcou desatei aos saltos e a berrar em silêncio (sim, é possível!!!) para não acordar o miúdo!!! E chorei!!! Chorei de emoção e pude explicar à minha filha que tb se chora de alegria!

Ainda assim, não fizemos tudo o que estava ao n/ alcance mas acabamos por ter a estrelinha, até porque eles jogaram para o empate e, quando assim é,... perde-se!!!

Gostava de destacar a exibição do Varela, o espirito do Lucho e lamentar o sub-rendimento do James e do Cha-Cha-Cha mas sobretudo do James! Parece já não "estar cá".

Por fim, dar crédito e valor ao CASTRO. Eu, que vi o jogo na TV, testemunhei o sofrimento de um portista! Este gajo tem de ter lugar no plantel e tem de jogar muitos mais jogos!!!!

MAS ATENÇÃO QUE ISTO NÃO ACABOU!!! CONCENTRAÇÃO MÁXIMA PARA GANHAR A FINAL!!

P.S. Quero homenagear publicamente o Rei Artur que nunca deixou de acreditar. Eu assumo que já não acreditava. Shame on me! Hail King Arthur!

Artur disse...

Falta um jogo para atingir o nosso objectivo. Mais uma vez mostramos que todos juntos somos muito fortes. Riskolas, era difícil acreditar que uma equipa com meio campo fortíssimo ia perder o campeonato para uma equipa que chuta bolas para a frente e marca a maioria dos golos em lances confusos. Vamos para cima deles!!!

miguel87 disse...

A esta hora ainda estou rouco! Não me lembro de festejar um golo assim.

Depois de tanto azar com lesões, penaltis falhados, etc, já merecíamos uma pontinha de sorte carago!

Agora concentração máxima para ganharmos o último jogo e garantirmos o tri!

Fernando disse...

Momento 1- golo do Kelvin
Momento 2- o ajoelhar do jj
Momento 3 - Alegria do povo portista após jogo ! já não se via nada assim algum temnpo

GLORIOSO SLB disse...

MIJOES DE MERDA !!!!!

Anónimo disse...

sem saber ler nem escrever...

prata disse...

Costumo apagar os comentários deste atrasado mental, mas este deixo ficar. Sofre anónimo!

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...


o cântico não é dos nossos, mas é apropriado:

"olha a cabeça do Lampião, continua a inchar, continua a inchar"

ps:
ainda há reservas de rotundas activas?

Anónimo disse...

Para os 2 anónimos que falaram que tivemos mija ou sorte eu quero aqui dizer isto : é muito curioso isso vindo de adeptos de um clube que em 2 eliminatórias da Liga Europa viram a bola bater umas 7 ou 8 vezes nos seus postes sem consequência alguma.