quarta-feira, 13 de março de 2013

Habemus campeonato...


Post curto, para mais uma exibição curta. Mais uma vez somos eliminados da Champions pela equipa mais fraca do sorteio dos oitavos de final da Champions. Nem vale a pena assistir ao sorteio, para sermos eliminados por equipas menores como o Shalke ou este Málaga. Parece que custa mais. Na Champions, quando se é favorito, há que ser autoritário!

Depois de vários jogos a praticar o futebol sem balizas, chegámos a Malaga com uma equipa pouco confiante e com metade dos jogadores, que têm feito mais pela equipa este ano, em sub-rendimento. Seja por lesão ou por falta de ritmo como é o caso de Moutinho, James e Defour, seja por quebra de forma como é o caso de Jackson, Fernando e Alex Sandro. Tudo exibições muito fracas atenuadas pela burrice de Defour. Mas eu não me parece que, mesmo sem a expulsão do belga, o resultado fosse diferente perante tantos jogadores nucleares em sub-rendimento. Venho alertando para isto há algum tempo. A equipa está a apresentar o pior futebol na fase mais importante da época. Nem dá para acreditar. É próprio dos nossos adversários da segunda circular. Normalmente, quando as épocas nos correm mal, correm mal logo desde o início. Quando chega a altura dos duros o FCPorto está sempre à altura. Será que isso não vai acontecer este ano? Temos o Campeonato...

Menções honrosas para a exibição de Otamendi que não merecia o resultado. Fiquei especialmente surpreendido com a fraquíssima exibição de Alex Sandro.

Adenda:
Poderia ter rasgado mais na opção por Defour. Foi um erro tão óbvio, que pensei que a quente, nem valia a pena bater no ceguinho. Eu sempre critiquei estas entradas do Defour para o lugar de jogadores criativos como os extremos ou Lucho. É um jogador esforçado mas com uma aversão à baliza que me faz impressão. Direi mais, sou a favor que deixemos de investir nestes jokers que fazem várias posições mas em todas têm rendimento mediano como Defou, Marek Cech, Etc. Com treinadores medrosos, estes jogadores entram sempre nos jogos decisivos da época em detrimento dos artistas. Se não os tivermos no plantel os treinadores já não poderão cair na tentação...

18 comentários:

riskolas disse...

Antes de comentar o jogo, a eliminação e/ou o campeonato vou aguardar umas horas pelo comentário do Rei Artur.

Mirone disse...

Faltou referir só o Varela, muito fraco mesmo. Se no ano passado não rendia porque sabia que dificilmente jogava, este ano que é um dos dois extremos titulares, tinha de ter confiança para apresentar melhor futebol.

Partilho da frustração, este ano tivemos sorte no sorteio, e não nos conseguimos impor a uma equipa acessível. Como acontece habitualmente, saímos de fininho e pedimos desculpa por ter incomodado.

Resta saber se vão ter motivação para continuar a lutar pelo campeonato. Não casco no treinador porque esta época já apresentamos um futebol de qualidade e não acho que tenha sido culpa dele ontem. Temos de acreditar que vamos voltar à boa forma, apesar de nos últimos 6-7 jogos terem sido razoáveis a roçar o fraco.

Anónimo disse...

É efectivamente um futebol sem balizas. Lento, previsível, chato. Dá a impressão que há aversão a rematar à baliza. É mesmo lamentável sermos eliminados por equipas do tipo Appoel ou Málaga. Já somos motivo de chacota não só em Portugal como em toda a Europa. Com um treinador deste calibre, de Jesualdo e outros que tais, colocamo-nos mesmo a jeito para que tal aconteça.

riskolas disse...

Para ver se o Rei Artur se despacha a comentar:

As equipas com bons treinadores jogam geralmente bem e, pontualmente, jogam mal ou passam, ocasionalmente, por períodos de menor fulgor.

O Porto orientado pelo VP joga geralmente mal e, pontualmente, dá show ou passa, ocasionalmente, por períodos de grande fulgor.

Tony Silva disse...

Pegando no comentário anónimo acima, pessoalmente primeiro fico fodido por termos sido eliminados.
Depois fico fodido por termos sido eliminados por uma equipa que nada tem de superior em relação ao Porto. Aí fico mesmo fodido porque tinhamos "obrigação" de passar esta eliminatoria e quem sabe se na próxima não saía um Galatasaray...

Fico fodido por isso, não por sermos motivo de chacota porque não acho que sejamos.
É claro que cada um faz chacota do que quiser mas também só fica afectado quem quer. Mais a mais, o pessoal que ontem começou a fazer chacota do FCP, hoje não lhes cabe um feijão no cu porque vão jogar com uma equipa equivalente a lixo na europa, mas que merecia um ponto no jogo da Luz.

prata disse...

Motivo de chacota? Exagero

Anónimo disse...

Deffour provavelmente deveria ser uma questão disciplinar tal como Fucile o era, no futebol há os bons jogadores e há os bons jogadores com classe, só os bons jogadores com classe vingam na Champions, vem do intervalo e a primeira coisa que faz é ser expulso.
A questão é que se o mal fosse apenas Deffour facilmente se resolvia, uma análise ao trabalho de Vitor Pereira envolve desde logo 2 eliminações precoces da Taça de Portugal e 2 eliminações da Champions contra equipas como Appoel e Málaga...eu acho que o FC Porto que eu conhecia tinha exigências maiores e quem não está á altura deve sair e nem sequer é pela eliminação de hoje é antes pela avaliação das 2 épocas.
Outro sinal preocupante para o FCP mas também para a selecção: Varela por muitos jogos ridículos que faça mantêm o lugar na equipa e voltou a ser chamado para a selecção o que diz bem do grau de exigência do Futebol Português e do seu selecionador.
Nota final : tanta conversa de Vitor Pereira sobre a Champions , tanta gestão , tanto discurso e na hora da verdade comportam-se como uma equipa banal quase sem importunar o adversário, Vitor Pereira por muito que queira nota-se a falta de tarimba nestas andanças no entanto em vez de ter baixado a Crista e ter dito : vamos fazer o melhor que soubermos na Champions disse antes...queremos fazer história na Champions, tenho tantas saudades da nossa equipa de 87 cheia de jogadores Portugueses , com um treinador realista e muito amor á camisola.

Luís Assis disse...

Até que enfim que leio uma opinião igual à minha!
A boa notícia é que ainda não há (e espero que não haja) renovação...
Só gostaria de acrescentar que o esforço orçamental destes 2 anos (mais de 200 milhões de €!!!) não foi, minimamente, compensado. Também por aí não se compreende a opção por um treinador tão fraquinho.

Anónimo disse...

Qualquer empresário minimamente responsável, não delega a gerência duma empresa de milhões de activos, nas mãos dum aprendiz. Não consigo compreender, como é que uma SAD das mais profissionais do Mundo, se coloca na dependência dum Vitor Pereira qualquer, na gestão do maior produto de prestígio internacional, deste país, nos últimos 30 anos.

reine margot disse...

Upa! Basta perdermos e não passarmos, para cair o Carmo e a Trindade, e saltarem todos para cima do treinador, etc... A verdade é que com dez contra 11 jogamos sempre melhor. Nunca pensei que pudéssemos ganhar a Champions , ou sequer passar dos oitavos. Doeu porque foi contra o Málaga. Mas não foi neste jogo que perdemos a eliminatória, como não vai ser no jogo contra o Benfica que vamos dizer adeus ao tri... O problema deste jogo foi não tremos ganho por 4 cá, e o problema do campeonato é apostarmos numa ficha só... - Mas isso demonstra falta de experiência e de maturidade; não representa falta de qualidade. São coisas diferentes, e ninguém nasce ensinado... há que fazer o caminho.
Sou portista há tantos anos que já passei por isso tudo - padecemos muito antes de chegar onde chegamos; não me abala como portista... Mas cada um sabe de si!

Anónimo disse...

Ás vezes vejo Danilo a jogar e lembro-me de um tal de Sapunaru : podia não ter tanto nome mas tinha muito mais garra, esse é apenas um exemplo.
Mas no geral preocupa-me isto: que tudo o que construímos nestes anos esteja a ser destruído com uma gestão errante, são 2 anos cheios de erros clamorosos.

riskolas disse...

Eu começo a achar que o Antero Henrique tem demonstrado ou pouca capacidade ou abuso no desempenho do cargo.

O Porto sempre foi conhecido por produzir defesas de excelência, sobretudo centrais.

Ora, por alto, gastamos 18M no Danilo, 11 no Alex Sandro, 6 no Mangala, 6 no Otamendi e mais 10 no Reyes. Quase tudo, miúdos e só aqui estão mais de 50 milhões de euros.

Para a frente, na época passada jogamos com Kléber e Walter!!! Esta época acertamos no JM mas este, caso se lesione, será substituído por um pré-reformado.

Não temos 1 unico extremo que desequilibre jogos e o Varela joga sempre, independentemente de estar bem ou mal.

Vamos gastar mais 5M num Seba que não os vale. Não damos oportunidades a sério aos miudos da B! Do que tenho visto, o Pedro Moreira podia fazer uma perninha no lugar do Fernando, o Tozé podia jogar muitas mais vezes em vez de ser lançado num jogo que estava complicado, o Sérgio Oliveira podia, pelo menos, ser convocado e o Delatorre podia dar minutos de descanso ao JM. Nada disto se passa...

O VP é com certeza um carneirinho na mão do Antero e não levanta ondas.

E antes que me ataquem por esta critica directa ao Antero, lembrem-se que também elogiei a SAD e seus membros nas horas de sucesso! Não são nem podem ser inatacáveis! E o que escrevi são factos de duas épocas miseravelmente mal preparadas.

É que, ainda por cima, tendo presente o contexto económico mundial não vejo como vamos fazer mais valias financeiras a contratar jogadores por 10 ou mais milhões!! Pelos vistos ainda vêm aí mais um mexicano do pachuca por valores pornográficos. Não ponho em causa o valor deles mas estourar fortunas em jogadores novos e sem tarimba europeia não foi, de certeza, a estratégia que nos transformou no colosso que hoje somos... mas podemos deixar de ser amanhã...

prata disse...

Deve ser uma primeira vez, mas concordo com pouco do que disseste Riskas...

Está mais uma vez a fazer uns cenários dantescos! Já sabes o que eu acho do treinador, mas não me parece que até há um mês estivesse a fazer um mau trabalho. Antes pelo contrário. Preocupa-me esta crise de forma da equipa, mas recuso-me a acreditar que não tem capacidade para ganhar o campeonato a um adversário que joga sem meio-campo. Se o FCPorto jogasse assim vias-me a criticar a táctica todas as semanas. Quanto à estratégia de conprar jovens desconhecidos e baratos e vende-los caros, obviamente que acabou. Hoje em dia os grandes clubes têm bases de dados gigantestas de campeonatos jovens sul-americanos e só chegamos a estas pérolas por sorte ou por bom relacionamento com empresários. E como é que se constroi bom relacionamento com empresários? Fazendo negócios com eles. E a compra de jogadores jovens não está a ser assim tão trágica porque, segundo sei, os esforços financeiros têm sido em parceria com os tais fundos. Perdemos nas mais valias, mas chegámos a jogadores jovens que de outra forma não viriam. O futebol mudou muito nos últimos anos e cheira-me que o Antero está a trazer o equilíbrio perfeito entre o que era o FCPorto e o que vai ter de ser perante a evolução do futebol mundial. Há solições mais baratas na Equipa B? Claro. Têm qualidade suficiente? Julgo que não e acredita que eu sigo alguns dos jogadores que mencionaste há vários anos. Tenho mais confiança nos juniores deste ano apesar de não morrer de amores pelo actual treinador dos sub19

riskolas disse...

Prata, oxalá estejas certo!!!!
Mas é inegável que facilitamos muito a nível de soluções ofensivas!

Quanto ao VP, começou mal a época, atinou e tivemos vários jogos de muita qualidade. Eu elogiei publicamente o VP por isso estou à vontade nesta crítica.

O problema é que quando toda a gente elogiou o Porto ele devia ter alertado os jogadores para o perigo de tais elogios. Concluo hoje que ele foi o gajo que mais bêbado ficou com a comparação ao "farsa". Perdemos o Norte, perdemos a garra e ganhamos sobranceria. O n/ problema face ao fifica é que no campeonato mais depressa os ataques ganham jogos do que as defesas, ou seja, eles marcam sempre golos. Podem sofrer mas marcam muito mais. Tirando os jogos contra nós eles limpam tudo. Nós somos mais fortes na europa porque somos uma equipa mais equilibrada mas faltam-nos muitas soluções para jogar contra autocarros.

prata disse...

Lembro-me dos jogos deles em Aveiro e em casa com a Académica. Foram tão maus ou piores que os nososs piores jogos. Acho que os campeonatos não se ganham à base de 'estrelinhas' e bruxedos e que, no final, as coisas se poderão compor e que ainda podemos chegar lá e transformar esta época numa época de sucesso. No fundo é isso. Uma época em que ganhas o campeonato é uma época de sucesso desportivo!

Quanto ao treinador, depois vê-se. Ele sabe que depende dos resultados. Para nós portistas, mesmo os que o apoiam incondicionalmente, não será nenhuma tragédia se sair. Saíram já vários treinadores bi-campeões na história recente do FCPorto.

Lamas disse...

Eu tou, literalmente, doente... sim "de molho" mesmo e tudo começou depois de quarta... coincidências...

Acho que entramos bem... e nos primeiros 10 minutos estava longe de pensar que o Málaga ia conseguir dar a volta... depois começamos a querer fazer as coisas rápidas e sair rápido para o ataque (lembro-me de dois ou três passes estúpidos do Fernando que me levaram à loucura)... perdemos o controlo do jogo (apenas tivemos nos instantes iniciais), perdemos lucidez, perdemos tudo... moutinho ao intervalo... a expulsão do defour... e pronto, estava feito... custou/ainda custa muito... é a questão das expectativas e longe estava de imaginar que não seguiríamos em frente...

Pispis disse...

Vou comentar o jogo de Málaga já dp do jogo da Madeira...

A equipa entrou bem, a controlar a partida... A meio da primeira parte deixou de controlar tão bem a partida mas o Málaga tb n criava perigo, até o publico no estádio estava sossegadito... A partir do lance do Helton os gajos empolgaram-se e aí sim viu-se a fúria espanhola e ainda por cima em 5 minutos mataram a eliminatória: golo do Isco (Alex deu espaço tremendo), Moutinho lesiona-se e Defour comete aquela loucura aos 48m... O segundo golo veio por acréscimo, era uma questão de tempo...

Este sistema já tinha sido utilizado na Luz, não me surpreendeu... Alias, o 11 foi igualzinho...

Lamas disse...

só para dizer que eu ainda li o teu comentário... ;)