segunda-feira, 12 de março de 2012

Por enquanto


O FCPorto ainda lidera o campeonato. Por enquanto. Ou será que não? É para durar? É difícil de prever. Alguém consegue ter uma ideia do que vale este FCPorto? Do que vai jogar? É possível? Nem Vitor Pereira sabe... Como se explica esta alternância de exibições? Como se explica que uma equipa que vai roubar a liderança ao estádio do seu maior adversário se apresente da forma que se apresentou na primeira parte do jogo de Sábado? Isso eu consigo explicar. Vitor Pereira é fraco. Não serve para o cargo que lhe confiaram. Sei disto há muito tempo e o tempo só me vai servindo para ir juntando provas atrás de provas de que, infelizmente, não estou errado. Este treinador está para mim ao nível de Octávio Machado, o que significa que é, em ex-aequo, o pior treinador que vi a treinar o FCPorto. São palavras fortes e eu sei que ainda podemos ser campeões e que estámos na melhor posição possível para o conseguirmos, isto é, estamos em primeiro. No entanto, a  minha confiança na equipa técnica é zero! Espero que no próximo ano haja um novo rumo independentemente, do que aconteça até ao final da época. Não aguento mais estas substituições que não fazem mais do que dizer à equipa: «Meus amigos, a partir de agora, esqueçam a táctica e qualquer tipo de organização. É para chegar lá de qualquer maneira!». Não aguento mais estas conferências de imprensa inóquas e absolutamente contraditórias. Não aguento mais esta constante desvalorização de activos, como Guarín, Iturbe, Sapunaru e provavelmente Rolando. Não aguento esta falta de liderança que se vai notando em pequenos actos de indisciplina ou no próprio facto de uma equipa que chega à liderança não se conseguir motivar para ganhar em casa a uma equipa da segunda metade da tabela. Chega!

Quanto ao jogo, é óbvio que podíamos ter ganho. Na segunda parte não tivemos sorte, houve a lesão de Djalma, houve uma arbitragem que não viu os outros dois penaltys, houve um defesa da académica que tinha um íman na bota e houve algum desacerto na finalização. Não implica que a primeira parte não tenha sido horrivel. A exibição de Alvaro Pereira foi a pior que já lhe vi. A atitude de Rolando foi indigna do clube que lhe paga e desrespeitosa para os colegas de equipa. A verdade é que não me vou alongar sobre o jogo porque foi uma confusão tal, que se torna difícil de relatar. Houve vontade na segunda parte, mas houve pouco futebol. O treinador também não ajudou. Só de pensar que as substituições dele determinaram que acabássemos o jogo com uma linha de 3 defesas em que só um deles realmente defende e sem trinco, faz-me impressão. E digo já que não acredito que o Sapunaru tenha saído lesionado... Demasiado mau para ser verdade. Faz algum sentido? Ou foi só porque foi elogiada a coragem na semana passada? Não contam as circunstâncias de jogo completamente diferentes? Valha-nos Hulk, valha-nos Fernando, valha-nos Moutinho e valha-nos James!

É até 'engraçado' que este resultado apareça no jogo em que se apresenta o onze que eu ando a pedir há algum tempo... Faltou-nos o resto.

24 comentários:

Artur disse...

Ridículo!! A vitória final é apenas daqueles que nela acreditam!Força Vítor

riskolas disse...

Artur, ridícula é a tua credulidade!
Este ano só ganhamos se os outros deixarem.
Não percebo nada do que se está a passar.
Que o VP é fraco, sobretudo, na motivação já sabemos. Todavia, os jogadores também têm responsabilidades!
A não ser que o VP seja tão mau que não é coincidencia os nossos melhores serem em semanas em que mais de metade do plantel está fora nas selecções...
Que o Braga aguente e não permita que o fifica seja campeão.
Enfim....

Pispis disse...

Que o treinador é fraco já o sabemos há muito tempo… Que já nos humilhou na Taça, na Liga dos Campeões e na Liga Europa tb já o sabemos… Que nesta época se prepara para fazer o q já fez c o Sta. Clara qd tinha o maior orçamento da competição e n atinge os objectivos nas últimas jornadas, tb é bem capaz de o fazer… Agora o q eu desconhecia é a falta de atitude destes jogadores q dp de vencerem na Luz e sem mais nenhum troféu em disputa façam akela 1ª parte…

Pensei mm q o aspecto motivacional fosse contar mais mas não, foi mais um exemplo das últimas tremideiras q tivemos no Dragão: Leiria, Feirense e agora c a Académica correu mm mal… Cm podemos ter confiança nesta equipa? Cm podemos acreditar q vai vencer na Madeira e em Paços de Ferreira nos próximos 2 jogos?

Espero q o Rolando estivesse chateado por ter enterrado no golo da Académica e n por ter sido substituído… cm é possível chegarmos a esta altura c problemas de disciplina? Ou então vir para a conf. imprensa dizer q n podemos tornar entrar assim num jogo... mas estamos na pré-época para ainda andar a corrigir estas situações tão importantes?

Baresi disse...

Não admito mais este gozo dos jogadores e do treinador. Estão a atirar-nos merda para a cara.

O que aconteceu no Sábado, especialmente na 1ªparte é inacreditável e inadmissível!!

Vão gozar a grande puta que os pariu!!!

Esta é claramente a pior equipa (grupo de compadres chulos) que alguma vez vi jogar, como diz o Prata, só no tempo do "Malvado" se assistiu a algo assim... Não conseguimos 90m de futebol razoável, apenas retiro deste leque, a final da Supertaça Europeia.

Na semana passada fiz justiça ao VP, unicamente pelo jogo na cagadeira da luz, mas infelizmente depois acontece isto...

Vou aguardar pelo milagre...

prata disse...

Artur, sendo assim, é melhor marcares mesa em qualquer lado para os festejos. Mesa para 10, deve chegar...

prata disse...

Vi grande parte do jogo das papoilas saltitantes e fiquei siderado. Nunca esta época, nem no campo do Zenit com menos um jogador, o FCPorto perdeu o controlo do jogo daquela maneira. Aquele início de segunda parte poderia ter sido um massacre se o Paços marca metade das oportunidades que criou em apenas 15 minutos. Viram o resultado final, não viram? Há jogos assim. O Braga está mais sólido mas ainda vêm aí os jogos a doer.

Mirone disse...

Só mesmo num campeonato igual ao que o Trapatoni ganhou com os escaravelhos é que poderemos ganhar esta bosta. Que falta de ambição e vontade de ganhar... não temos tomates para isto!

No meio disto tudo parece-me que o VP ainda é o que tem mais vontade de ganhar... mas aquele discurso já enjoa... "nunca mais podemos entrar num jogo com este ritmo...", quantas vezes é que já ouvimos isto esta época! Falta carisma ao gajo... Depois de termos levado uma coça em Coimbra não era fácil motivar a equipa?

LC disse...

Este jogo é a melhor prova da incompetencia do treinador, jogadores e principalmente direcção.
Não merecem sequer o salario minimo.
Insistir no rolando e no alvaro pereira é uma prova de um balneario dividido. Mau demais para ser verdade.Se não ha motivação para ganhar a academica então não merecemos ser campeões!!!

Taqui disse...

Qualquer equipa vem ao Dragao nos fazer a vida negra! A expectativa era tanta depois de fazerem um jogao na Luz! O que se passou entao?
Eu acho que só se lembram do Janko qd a coisa começa a apertar... Com Hulk a fletir para o meio e o James a jogar no meio torna tudo mais facil para quem está a defender: estao todos juntos, todos fechados. Pq nao ha cruzamentos? Pq nao ha velocidade?
O que eu acho é que nao há uniao!
Tivemos a cena do Rolando e a cena do penalti, alguem reparou?
O hulk pegou logo na bola, o james foi se queixar ao treinador, o treinador disse que era ele que marcava, o hulk nao deixou, depois o james foi fazer queixinhas ao lucho... o que é que isto revela?
Queria me rir se ele falhava!
Haja fé;Haja Esperança;Haja o braga caso nao haja Porto!

Abraço

prata disse...

Não percebo porque é que há dúvidas. É sempre o Hulk que marca. Devia estar claro. E os cânticos dos super a pedir por Lucho pareceram ridículos dada a exibição paupérrima do nosso mágico. Quer dizer, veêm o Hulk a levar a equipa as costas e depois querem o prémio para o querido da massa associativa. Poupem-me!

riskolas disse...

Off.

Vejam a 1ª página da ABOLHA onde fala da importância do N.Oliveira no 1º golo...

Baresi disse...

Prata,

Sem dúvida, há algo mais que eu não percebo, isto é, o Comandante acabar todos os jogos sem ser substituido... O VP só olha para a defesa e para o ataque esquecendo o miolo.

Já que a James joga sempre no centro que tal na entrada do Kléber ou de um outro extremo (o Iturbe por exemplo, este não... nem o banco aquece), retirar
o Lucho.

Aliás as substituições foram as mesmas (2 delas) do jogo da luz, faz sentido em jogos tão diferentes?

miguel87 disse...

"Este ano só ganhamos se os outros deixarem."

Riskas, suponho que este "outros" se refere aos arbitros!
Não foi, de longe, a razão principal para não ganharmos no sábado, mas se o gajo não tem errado o que errou, provavelmente tinhamos os 3 pontos garantidos.

riskolas disse...

OUTROS refers to "fifica" e/ou "braga"

Com o orçamento que temos, com os jogadores que temos, os árbitros NUNCA podem ser desculpa para não ser campeão! Para não ganhar um jogo ou outro, podem mas NUNCA serão motivo para a perda de um campeonato! NUNCA!!!

Aliás, se entrássemos nos jogos como temos obrigação de entrar, os árbitros nem tinham hipótese de nos prejudicar!

miguel87 disse...

Prata disse..."Vi grande parte do jogo das papoilas saltitantes e fiquei siderado. Nunca esta época, nem no campo do Zenit com menos um jogador, o FCPorto perdeu o controlo do jogo daquela maneira. Aquele início de segunda parte poderia ter sido um massacre se o Paços marca metade das oportunidades que criou em apenas 15 minutos. Viram o resultado final, não viram? Há jogos assim. O Braga está mais sólido mas ainda vêm aí os jogos a doer."

Não compreendo a dualidade de analise entre um jogo do Porto e o deste comentário... Se bem percebi há um elogio implicito ao Porto e o assumir que os benfas ganhou com uma grande mijeira! Tudo se resume na frase "Há jogos assim"!
Eu tambem acho!

No post falas algo sobre a desvalorização do Rolando como sendo da responsabilidade do treinador... Foi por causa do VP que o gajo ficou a nanar enquanto o Edinho marcava o golo à vontadinha nas costas dele??

E o Sapunaru? quantas vezes teve falhas e lentidão na marcação?? Perante isto qual é afinal o cabimento das criticas ao utilizar o Maicon naquela posição em tantos jogos??

Eu acho que o Sapu saiu mesmo com uma mazela, mas aparte disso penso que a outra substituição deveria ter sido a saída do Lucho e não do Rolando... por outro lado este já tinha um amarelo e o arbitro não estava a disfarçar ao que vinha (vejam o amarelo ao Fernando!).

miguel87 disse...

Riskolas: ah, ok aí estamos de acordo, já que não negas que num ou noutro jogo os arbitros tiveram influência (este último, em Barcelos e Olhão os mais flagrantes).

prata disse...

A dualidade está no facto de ser portista. Interessa-me o FCPorto. Não quero saber se os outros não jogam nada. Neste caso apenas serve para dizer que o campeonato continua a ser uma possibilidade forte. Se eu criticasse a forma como o jogámos comparando com o que os outros jogam, com certeza que as críticas não seriam tantas e tão frequentes. O nosso nível de exigência tem de ser outro. Temos de olhar a equipa de acordo com os patamares de qualidade que atingimos várias vezes nos últimos anos. Nunca em função de um adversário num determinado momento, por crónico que seja.

miguel87 disse...

Treinador à parte, não me lembro de exibições tão miseraveis de gajos como o Alvaro, Lucho ou Janko - o Kleber (um dos alvos favoritos da massa assobiativa) deve ter ganho mais lances (incluindo o do penalty) no pouco tempo que esteve em campo do que o gajo de 1,90 e tal no jogo todo!

miguel87 disse...

Prata, não discuto a dualidade de critério entre a exigência à nossa própria equipa e às outras. Nisso estamos absolutamente de acordo!

O que questionei é a dualidade de analise a um jogo de futebol em si.
Ex. "Aquele início de segunda parte poderia ter sido um massacre se o Paços marca metade das oportunidades que criou em apenas 15 minutos."
Pois podia mas não foi, da mesma maneira que o Zenit a jogar contra 10 uma 2ª parte inteira contra nós, marcou nas 2 fifias que o Otamendi deu, mas podia não ter marcado!

Foi só essa diferença que apontei, não tem nada a ver com a auto-exigência!

miguel87 disse...

semi off-topic e a propósito do "pior treinador que vi a treinar o FCPorto":

"O Panathinaikos perdeu com o AEK Athens por 2x0 e está a quatro pontos do primeiro lugar, ocupado pelo Olympiakos.
(...)
Com este resultado, o Panathinaikos soma 54 pontos, menos quatro do que o líder Olympiakos, que venceu o Aris, de Manuel Machado, por 3x0."
in www.zerozero.pt

PS. Há duas jornadas atrás estava em primeiro lugar isolado... O Olympiakos além do campeonato anda a jogar a Liga Europa.

Lamas disse...

Inacreditável e incompreensível a atitude... nem era preciso haver treinador para os jogadores terem motivação de entrar no jogo a "matar" depois da reviravolta do campeonato na Luz... agressivos, pressão alta, intimidar o adversário... só pedia isto... pelo menos nos primeiros 15/20 minutos... até podíamos jogar mal e até não ganhar... mas tínhamos de ter entrado com vontade... era o mínimo... é isso que eu sempre crítico...

No fim do jogo e analisando, até se podia ter ganho, como os outros ganharam, mas não podíamos ter entrado no jogo assim... isso sim, é incompreensível...

O Álvaro, em particular, esteve muito mal... em especial a defender...

Que sexta chegue rápido para ver se o estado de espírito muda...

Artur disse...

Não percebi a parte do Hulk levar a equipa às costas...ou melhor se calhar percebo mas gostava que ele levasse o Porto com a cabeça.Ao menos assim tinhamos ganho. O facto de estar a jogar melhor que o Lucho nao invalida que o quer o Lucho, quer o James sejam melhores executantes de bolas paradas do que o Hulk. Conheço gajos que tiveram grandes carreiras só por serem bons em bolas paradas. Acho também espectacular a rapidez das criticas a surgirem aqui no blog daqueles que quando o Porto ganha jogos como o da semana passada ficam sem palavras.Isso é provado até pelo numero de comentários. Mas também o anormal é o Porto empatar. Miguel, preparas os foguetes?

miguel87 disse...

Artur, com a semi limpeza de balneario, contratação do Lucho, promoção do Paulinho e com PdC sempre ao lado do mister (ao contrário do que acontece noutros clubes), apesar de todos os azares que temos tido (lesões principalmente) e o difícil calendário, acredito que contra tudo e todos vamos festejar o bi!

Paulo Monteiro disse...

Este treinador está para mim ao nível de Octávio Machado, o que significa que é, em ex-aequo, o pior treinador que vi a treinar o FCPorto.



sublinho Prata! E mesmo que sejamos campeoes, pelo amor do paizinho do céu, Vitor vai te embora!

Abraços
Paulo Monteiro