Surpresa

Do jogo de sábado no Dragão, pouco se aproveita. Benitez não pareceu tão mau como o pintavam, mas ainda assim não satisfaz. Sapunaru parece o Seitaridis (mas o da selecção da Grécia que ganhou o Euro 2004), o que é bom. Guarín voltou a mostrar que joga melhor na posição 8. Tommy Costa continua a não me convencer. Lucho e Lisandro continuam a constituir uma máquina ofensiva temível. Rodriguez, como todos esperavam, é um excelente reforço, etc. No entanto, há três coisas que me deixaram preocupado.

Em primeiro lugar, sofremos uma derrota em casa. Quanto a isso está tudo dito. Têm-nos habituado a uma, duas derrotas no Dragão por ano. Para alguns seria óptimo, para nós é mau. Não admito derrotas em casa, muito menos com equipas mais fracas como o Celtic ou o Nacional. A nossa hegemonia recente está assente também no medo que os adversários têm de vir ao Dragão ou às Antas. Nos últimos dois anos, tenho a sensação de que a equipa se empenha mais fora de portas do que no Dragão. Em casa joga-se apenas Q.B. Poderá ser apenas uma sensação mas convém incutir já nos que chegaram agora, que no Dragão não se perde! Nem em amigáveis…
Houve quem dissesse que a surpresa era a manutenção do Quaresma. Houve até quem brincasse com o assunto e dissesse que a surpresa foi a derrota no jogo de apresentação. A verdade é que esta história da surpresa foi para já um tiro no pé. Em primeiro lugar, porque caiu sobre Hulk uma desconfiança e uma aura pouco aconselháveis para um jovem de 22 anos. Estará ele à altura de ser a surpresa que o Presidente anunciava? Não parece e é um estigma que para já o vai perseguindo. Isto porque a surpresa criou nos Portistas um onda que raramente tinha visto por estas paragens: a megalomania. Pensava-se: ‘Se o presidente, que raramente fala destas coisas, promete uma surpresa, vem aí uma super estrela!’ Falou-se do Miccoli, do Adriano do Inter, do Ronaldo, do Eto’o, e do Simão… Coisas megalómanas próprias do defeso benfiquista, e que são sempre devidamente alimentadas pelo jornal a bola. Se o presidente não esclarecer, muitos estarão até ao fecho das inscrições à espera de um nome destes o que é mau…

Por último vamos ao caso Quaresma. Quaresma foi um dos pilares do Tricampeonato e como tal acha, como eu acho, que tem futebol para jogar em qualquer equipa do mundo. Até aqui tudo bem. Não tem é de andar amuado e a dizer, sempre que pode, que quer sair. Todos os portistas estão preparados para a sua saída, mas enquanto alguns, como eu, estão preocupados com a sua sucessão, outros, desvalorizam a influência de Quaresma na equipa. E aí eu discordo completamente. Podem apostar que vai haver um vazio deixado por Quaresma e que a equipa vai tremer se isto não for acautelado por Jesualdo. E aqui está o problema: na minha opinião não estamos a acautelar a saída, ainda por cima mais que provável, de um dos nossos melhores jogadores. Alguns falavam no 4-4-2 mas Farias não parece para já preparado (alguma vez estará?). Será Hulk uma solução? Parece mais uma aposta no futuro. Fala-se que Rodriguez é o sucessor no 4-3-3. É um excelente jogador, mas e na outra ala? Parece que Tarik nunca poderá render tanto como no ano passado. Quem sobra? Candeias? Claramente precisa de rodar mais um ano ou dois. Mariano? Não é por parecer melhor jogador do que quando chegou que faz com que eu deixe de achar que se trata apenas de um bom suplente. Eis a minha conclusão, se Quaresma sair temos de ir ao mercado para manter a equipa, pelo menos, ao nível da do ano passado. E isso preocupa-me porque parece que está instalada a ideia de que tal não será preciso e correm rumores de que, para Jesualdo, o plantel está fechado e sem Quaresma.

PS: Alguém me explica qual o objectivo do jornal A bola em consecutivamente anunciar valores inflaccionados para as nossas contratações? Sapunaru valia 6 milhões mais João Paulo e Pitbull por 50% do passe. Afinal eram 2,5 milhões... Agora foi Hulk: metade do passe valia 10 milhões quando afinal foram 5,5 milhões, ou seja, mais uma vez metade. Será que as contratações do Benfica parecem menos patéticas por nós contratarmos caro? Ainda por cima estas notícias são desmentidas um dia depois com o comunicado à CMVM... Enfim, tão patético que já nem os artigos de Miguel Sousa Tavares e de Valdano me fazem comprar esse panfleto de propaganda...

Comentários

riskolas disse…
Vi o jogo na tv...

Gostei da 1ª parte.

Gostei do SuperNaru e do Guarin.

Confirmei o que esperava do cebola.

Voltando ao Guarin, "6" só na camisola... Não é trinco, nem será.

Neste momento, só temos um trinco que é o Fernando. O Bolatti é uma desilusão...

Todavia, eu lançava o Meireles na posição 6.

Também achei que o Benitez não é tão mau como o pintam... É certinho. Falta ver como defende. Cruza bem.

O Tomás Costa foi queimado! Extremo-esquerdo?!?!?! Meu deus...

De qualquer modo, gostei bastante dele.

O Farias é um tosco! E tosco bom só vi um! O Inzaghi! Ou seja, o Farias ou desata a marcar golos ou então "xau aí".
Tenho fé no Givanildo! Ou crença mesmo...

Eu jogava num 4x4x2 em que o centro era do Meireles e do Guarin. A cair na direita punha o Lucho e na esquerda o Rodriguez.

O Lucho, na alvi-celeste jogava mts vezes descaido na direita... e jogava bem!

Obviamente, tem de haver mobilidade... ou para o Licha cair no flanco e o Lucho fugir para o meio... etc... os tais mecanismos...

Com outro treinador tinha crença numa época grande... com este, espero ser campeão (os mouros são muito fracos)...

Quanto ao quaresma, prata, o que faz falta ja "saiu" ha 2 anos... já nesta última época o quaresma deu "prejuizo"...
Lamas disse…
Se sair Quaresma tem de vir alguém e penso que será a tal surpresa e, com a entrada do Hulk já não é Miccoli, mas sim Simão...

Riskas, o Jesulado não abdica do 4-3-3 e apenas vai inventar nos jogos da Champions e contra o Sporting com o 4-4-2...

Para mim Lucho é PATRÃO e, como tal tem de jogar no meio... mas concordo contigo quando dizes que ele joga bem a descair para a lateral direita, mas sem ele, o FCP deixa de ter comandante...
prata disse…
Acho que tanto Meireles como Guarin saem prejudicados a trinco. São dois jogadores com demasiada mobilidade para se prenderem ao numero 6 num 4-3-3. Agora num 4-4-2 é diferente. E até posso concordar com o meio campo sugerido pelo Riskas. O importante seria a mobilidade que teria e o avançado a juntar ao lisandro...

Lamas, Simão? Ainda tas com febre... As melhoras!
Lamas disse…
Confirmo: 38,2 :-)
José Henrique disse…
Boa noite.
Nasceu um novo blog sobre os TriCampeões Nacionais.
Se puderes adiciona o meu link e eu vou fazer o mesmo em relação ao teu blog se permitires.
Obg. Abraço

http://anacaoazulebranca.blogspot.com/
Ultrasfcporto disse…
De todos o que mais gostei sem dúvida foi do Cebola está com garra e sente o peso do nome FC PORTO, os outros ainda pouco demonstraram, já agora aproveito para informar e solicitar-lhe a publicação do link do meu blog http://ultrasfcportomatosinhos.blogspot.com

Obrigado.
miguel87 disse…
Notou-se já uma diferença sem Quaresma: a eficacia nas bolas paradas aumentou consideravelmente!
Anónimo disse…
Do ex-namorado
Carolina queixa-se de agressão

A GNR foi chamada hoje a intervir e fez buscas na Estalagem D.ª Leonor, em Fronteira (distrito de Portalegre), após uma denúncia de agressão feita por Carolina Salgado contra o e ex-namorado, proprietário daquele complexo turístico


Após várias desavenças entre os dois, Carolina Salgado, que se recusou a abandonar a estalagem, ficou instalada num dos apartamentos, enquanto a mãe, que chegara na véspera, se alojara noutro quarto com os dois filhos da autora do livro Eu Carolina. Hoje de manhã, e após uma das empregadas do complexo turístico ter desvendado a Francisco Rolo um pedido que Carolina lhe terá feito, o proprietário expulsa-a.

Contactada pelo SOL, a funcionária garante que a hóspede lhe pedira em tempos «se eu arranjava uma bola de cocaína». Após a confidência, Rolo confronta a ex-namorada e depois de grande discussão coloca-a na rua.

Carolina Salgado contactou então os elementos do corpo de segurança da PSP, dizendo-lhes que fora agredida por Rolo e que ele tinha uma arma ilegal em casa. Estes, por seu turno, chamaram a GNR local.

A ex-companheira de Pinto da Costa parece ter azar com os homens ou vice-versa, e quando a GNR chega ao local, queixou-se de ter sido agredida por Rolo e de este ter uma arma em casa.

Com o consentimento do proprietário, os guardas fizeram buscas na estalagem, tendo encontrado uma pistola de pequeno porte, mas no apartamento que estava ocupado pela mãe de Carolina Salgado. A ex-companheira de Pinto da Costa afirma que a arma pertence a Francisco Rolo.

Francisco Rolo, contactado pelo SOL diz que só agarrou Carolina Salgado «pelo braço» e que lhe deu um «empurrão», não tendo esta ficado ferida. Acrescenta ainda: «Ela fez tudo para me tramar desde que rompi a relação. Faço minhas as palavras de Pinto da Costa: também eu fui estúpido».

Esta tarde, o empresário prestou declarações no posto da GNR de Fronteira, tendo apenas sido interrogado sobre a arma encontrada, e negou que esta lhe pertença.

Contactada pelo SOL, Carolina salgado não quis prestar declarações.

Entretanto, segundo o SOL apurou, o Ministério Público do Porto instaurou um inquérito aos elementos da PSP que prestavam segurança a Carolina Salgado. O inquérito visa apurar por que razão, conforme fora noticiado pelos jornais, os agentes impediram Carolina Salgado de efectuar um teste de alcoolemia e droga, após recente acidente que teve no Porto. Estes, que já foram ouvidos, negam mas, de facto, os testes não foram efectuados.

In "O SOL" .
condor disse…
Actualiza lá isto!
Anónimo disse…
Nice weblog right here! Also your web site quite a bit up very fast!
What host are you the use of? Can I am getting your affiliate hyperlink in your host?
I desire my web site loaded up as fast as yours lol

Look at my homepage - very nice web site