Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2007

Olympique Marseille 2-3 FC Porto (2003/04)

Porque há momentos que ficam e sabe bem recordar... Na sequência da nossa última deslocação a Marselha veio à memória este jogo... Uma vitória importantíssima na nossa caminhada até Gelsenkirchen ... Realizámos uma exibição fantástica... o Marselha tinha uma boa equipa, tendo na frente o melhor ponta de lança da actualidade, de seu nome Didier Drogba ... Apesar de terem sido eliminados da Champions chegaram à final da Taça Uefa ... A deslocação a Marselha deu-se na 3a Jornada da Champions quando o FCP apenas tinha um ponto conquistado em Belgrado na 1a jornada... Era imperioso ganhar e mesmo começando a perder, demos a reviravolta numa tremenda exibição... os golos de Maniche e Derlei são de belo efeito, mas para mim fica na retina a jogada do terceiro criada pelo mágico Anderson Luís de Sousa...

Falta marcar...

Imagem
Foi uma boa exibição no Velodróme com a excepção da finalização. A equipa voltou, tal como na 1a parte na Turquia, a apresentar um futebol bastante bom até ao momento da finalização onde Lisandro não está tão inspirado como no campeonato. De resto dominamos 85 % do jogo e o golo deles é fortuito e parece-me o tipo de golo que qualquer equipa pode sofrer. Agora é preciso marcar golos... Continuo a dizer que o melhor onze do FCPorto implica que o Lisandro parta da ala para a área em apoio ao ponta de lança, seja o Edgar, o Postiga ou o Adriano (parece que o Farias não conta...). Para mim o nosso problema com os golos é esse. Por exemplo, no segundo remate ao poste do Raul, faltou ali um jogador em cunha para a recarga e esse jogador não pode ser o Lisandro... Ainda por cima as opções Tarik e Mariano não têm convencido... Notas soltas sobre o jogo: - Stepanov está agradar-me imenso. Eu sei que é cedo, mas se não me engano temos o fastasma do Pepe resolvido... - Bruno Alves aproxima

Apesar de tudo prefiro o Jesualdo

Imagem
Passaram 2 anos desde que Paulo Bento assumiu o comando da equipa do sporting. E o mito está criado: treinador com um jeito especial para integrar jovens e sobretudo um disciplinador implacável. É óbvio que nunca estaria aqui a falar dele se não houvesse, entre muitos portistas, a sensação de que o sporting está melhor orientado do que o nosso FCPorto. «No ano passado, o paulo bento com a nossa equipa, tinha ganho o campeonato com 15 pontos de vantagem.» - dizem alguns. Se há coisa que este ano dá para ver é que o mito criado à volta deste jovem treinador está a dissipar-se. Pela primeira vez, exigem-se vitórias. E vitórias é qualquer coisa que o estilo demasiado prudente de Paulo Bento não pode garantir. É esse o meu veredicto sobre Paulo Bento: é essencialmente um treinador cauteloso. Passou um ano e meio agarrado ao 4-4-2 losango (para mim táctica mais prudente que existe) e finalmente nesta pre-epoca treinou uma variação táctica: o 3-5-2. Mas esta táctica está muito longe da louc

Telepatia

Vou ser breve, até porque não tenho muito tempo. A temporada futebolística tem sido fértil em fenómenos paranormais. Desde os tufos de relva invisíveis que impedem o guarda-redes do sporting de fazer o seu trabalho, passando pelo braço maroto que saiu de dentro da nuca do jogador do estrela da amadora. Mas desta não estava à espera. O jornal 'a bola' até deu honra de capa a estas declarações de scolari. E não é para menos, o homem consegue comunicar-se telepaticamente com o seu adjunto! Diz ele: «Eu pensei para mim: É preciso meter o Nani. E quando olhei, Nani já tava aquecendo... Mais tarde pensei: É preciso meter o Ribeiro. E ele logo entrou.» Incrível! Nem foi preciso planificar o jogo. As capacidades sobrehumanas destes senhores são mais que suficientes... Mas temo que as capacidades telepáticas não sejam um dom fácil de controlar. E para mim, isso foi decisivo na agressão de scolari a dragutinovic. Pensamento do scolari:«Murtosa, agarra-me agora, se não dou um pêro neste

Os desafios de Jesualdo

O arranque do campeonato deixou os portistas muito confiantes no Tri. Mas a época não está a ser perfeita. Longe disso! É óbvio 7 pontos de vantagem sobre o segundo são muito bons nesta altura, mas é claro que mais cedo ou mais tarde vamos perder pontos. É inevitável por várias razões. Há sempre em todas as épocas aqueles jogos em que tudo corre mal... Acontece... E já agora convém não esquecer que já fomos arredados nas competições a eliminar que tivemos até agora... No entanto, não só superamos ilesos um calendário inicial complicadíssimo, como ganhamos uma vantagem considerável pelo meio. Nada mau. Satisfaz? Lógico! Chega? Não! (pareço o marcelo...) E porque não? É que parece que os portistas estão-se a deixar enganar pela cegueira dos 3 pontinhos. Já apresentamos um futebol condigno com a qualidade e a superioridade técnica dos nossos jogadores? Não! Fizemos uma boa actuação em termos de empenho contra o Paços de Ferreira e mais nada. Para mim é esse o grande desafio de Jesualdo. P

Jesualdo tornou a vitória fortuita...

Imagem
Vou ser breve na minha já habitual crítica ao Jesualdo. Para mim o jogo de ontem até nem estava a correr mal, dada a dificuldade do adversário e do ambiente. São equipa muito complicadas de bater fora, sobretudo se não marcarmos cedo. E como tardamos em mostrar futebol ofensivo, com excepção de Quaresma, o adversário foi ganhando confiança e de bola parada criou muitos problemas. No entanto, fomos controlando satisfatoriamente o jogo com uma grande exibição de Bruno, Stepa e Paulo Assunção, até que começamos a abrir brechas na defensiva contrária. Não sei se reparam mas a certa altura os turcos estavam nervosos. Na segunda parte, eles não conseguiam criar perigo e a nossa pressão sobre o meio campo estava a começar a resultar em oportunidades claras de golo. E o que faz o nosso sapientíssimo treinador? Tira um avançado e mete um médio... Para equilibrar as coisas! «Bom moço, este Jesualdo!» - deve ter pensado o treinador turco.... Ele até já estava a pensar no que havia de fazer depo

Os Cruzados!

Imagem
Capa d'a bola de hoje: «benfica e sporting a uma só voz em defesa do futebol». Oxalá consigam, bravos e heróicos cruzados! Oxalá limpem toda a porcaria que existe no futebol! Oxalá que instituam uma nova era! Uma era de paz e alegria no futebol! Uma era com campeonatos repartidos pela segunda circular! Aquela vergonha de Liga dominada pelos saloios do Norte tem de acabar! O que mais admira é que ainda há quem consinta que a sua inteligência seja insultada, dia após dia, por estes senhores... Ora vamos analisar os factos. Bastou que os dois clubes ficassem a uma distância de 7 e 8 pontos de distância para que se juntassem a uma só voz contra os 'moinhos de vento' a.k.a. 'sistema'... Conveniente... Juntou-se então o Visconde da Corujeira e o Khadafi dos Pneus para brindarem à incompetência de todos, menos a deles... Não foi por causa de trocarem de treinador extemporaneamente... Não foi por metade da equipa que está a jogar actualmente ter chegado a uma semana do